• _

Sai nova playlist de Guitar Hero: Smash Hits

noreset_plantaoggh-smashhits-box-large
cidocoelho_profileO jogo que reuine as quatro versões de um dos games de guitarra mais famosos do mundo – Guitar Hero: Smash Hits – teve mais uma playlist divulgada pela Activision.

Na lista nova, foram acrescentadas as músicas do Guitar Hero III: Legends of Rock. Há uma previsão de que o GH: Smash Hits deve ter 48 canções originais.
Continue lendo

PlayStation 2 faz 10 anos

noreset_gamenewsps210cidocoelho_profile1999. A Sony anuncia um novo sucessor para o PlayStation. O PlayStation 2 estava em desenvolvimento e seria lançado no ano seguinte.

Em março de 2000 os japoneses foram os primeiros a conhecer o novo console. Junto com o console, foram lançados os jogos Street Fighter EX3KessenRidge Racer VEternal RingDrumMania and Stepping Selection. Sete meses depois – em 26 de  outubro de 2000 -, os americanos puderam conhecer a sigla, e o console, PS2.

 

Primeira versão do PlayStation 2, em 2000

Primeira versão do PlayStation 2, em 2000

O console da Sony chegou em pé, quero dizer, o PlayStation 2 poderia ser colocado na vertical, com um suporte, ou horizontal.

Além disso, havia uma ventoinha e uma fonte interna, conexão com internet, redes de computadores – o PS2 era um verdadeiro trambolho.

Isso foi solucionado em 2004, visando a redução de custos, a Sony  criou o formato Slim. O PS2 ficou esbelo, magrinho, bonito e a fonte ficou de fora.

A outra revolução é que o console foi o primeiro a oferecer jogos em mídia em CD e DVD e aos cinéfilos de plantão era uma nova alternativa para assistir o seu filme favorito.

Isso porque é possível jogar os games da biblioteca do PSOne.

Em 2000, o console estava como o PS3 hoje, não vendia muito, entretanto, em 2001 o segundo PlayStation sofreu um boom de vendas.

Até hoje já foram vendidos mais de 140 milhões de unidades, superando o seu antecessor – Playstation – que vendeu mais de 100 milhões de consoles.

Esse números de vendas é justificado com o apoio das desenvolvedoras de jogos e  pelas séries que o console consagrou como Resident Evil 4, Final Fantasy X, Metal Gear Solid 2 e 3, Devil May Cry, Guitar Hero, Gran Turismo 4, God of War 2, GTA: Vice City e GTA: San Andreas…

PlayStation 2 Slim foi lançado em 2004, para redução de custos da Sony

PlayStation 2 Slim foi lançado em 2004, para redução de custos da Sony

Até agora mais de 1700 jogos estão disponíveis para o PlayStation 2. Isso porque o console continua na ativa enfrentando o seu sucessor, PlayStation 3, e os rivais, Wii e Xbox 360.

O futuro do PS2?

Não sei dizer, mas talvez o ciclo esteja chegando ao fim, pois como todo console passou por isso, o PlayStation 2 também segue o mesmo fluxo: poucos jogos são lançados para o console.

Porém, posso dizer que ainda temos uma ponta de esperança! Pois como as vendas do PlayStation 3 não estão indo como o esperado, e o PS2 vende bem no mercado, é possível que a Sony ainda pode dar um gás para o console até que o PS3 saia da UTI no quesito vendas baixas.

O PS2 e o portátil da Sony – PlayStation Portable (PSP) – são os videogames que tapam o buraco do prejuízo que o PS3 vem dando até agora.

Quanto tempo o PS2 vai durar? Isso é muito difícil de saber…
—-

     Especificações técnicas do PlayStation 2

  • CPU: 128-bit RISC “Emotion Engine™” rodando a 294.912 MHz na primeira versão e 299 MHz na segunda, vulga “slim”.
  • GPU 3D: “Graphics Synthesizer” roda a 147.456 MHz e é capaz de criar 75 milhões de polígonos por segundo em condições ideais, com performance de 6.2 GFLOPS.
  • Som: pode tocar fontes em ADPCM com 48 canais e podendo processar som em múltiplos canais digitais e independentes.
  • Memória: 32 megabytes de memória principal, 4 megabytes de VRAM e 2 megabytes de memória de som transferindo dados a até 48 gigabytes por segundo.
  • DVD: roda filmes em DVD e CDs de áudio. Filmes em DivX podem ser lidos pelo video game, usando programas específicos de emulação e conversão, inclusive tocar músicas em MP3. Os jogos podem ser acomodados em DVD-ROM ou em CD-ROM.
  • Multiplayer: Permite partidas pela Internet utilizando um modem. Também permite que até 8 jogadores joguem simultaneamente com joysticks e multitaps.
     

rodape_noresetnet3

“PS3 passa por um grande momento”, diz Sony

noreset_plantaoCido CoelhoPlayStationA gigante japonesa anunciou que a família PlayStation está vendendo muito bem nas festas de final de ano. Segundo a Sony, os três consoles (PS2, PSP, PS3) venderam mais de um milhão de unidades durante o mês de novembro – aumento de 93% em relação ao mês de outubro.

Mesmo com o baixo desempenho do PlayStation 3 em relação ao Wii e o Xbox 360, a Sony continua otimista com as vendas do console mais poderoso da nova geração. “O console continua em um grande momento nas festas de fim de ano”.

Em 2008, foram vendidos 2,8 milhões de consoles de  PlayStation 3 nos Estados Unidos, este número é 60% superior referente a 2007.

Convencida, a Sony explica que o “bom desempenho” nas vendas se deve a ” um catálogo de jogos sem igual”, pois foram vendidos em novemrbro mais de 3,5 milhões de jogos, 150% a mais em relação ao mesmo período do ano passado.

Mesmo com o foco no PS3, o PlayStation Portable vendeu mais de 420 mil unidades.  O PS2 vendeu 200 mil consoles. Os números superaram respectivamente 118% e 50% as vendas de outubro de 2007.

rodape_noresetnet2

PlayStation 2: Sony decreta guerra contra Tectoy no Brasil

noreset_gamenewszeebovsps2Cido Coelho

O vice-presidente de vendas da Sony Computer Entertainment America (SCEA), Ian Jackson, palestrou sobre o sucesso do PlayStation 2. Durante a palestra o executivo confirmou novamente o interesse da Sony em investir pesado com o console na América Latina. Claro o Brasil está nos planos.

A Sony pretende lançar o console por aqui no segundo trimestre de 2009. Em setembro a Superintendência da Zona Franca de Manaus Suframa – aprovou a fabricação do PlayStation 2 pela Sony na fabrica brasileira que fica na capital amazonense.

Para o Jackson, é um bom momento de investir no Brasil e nos países latinos com o PlayStation 2.

“Obviamente, baseando-se na extensão da América Latina, no número de países, e no tamanho da população, a longo prazo, existe a oportunidade de um mercado muito maior para a SCEA do que o mercado canadense foi”, afirmou o executivo da Sony.

A Sony pretende distribuir o PS2 em três fases: primeiro o console vai para Argentina, Chile, Colômbia e Peru, depois Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, Nicarágua, Panamá e Venezuela e por último Brasil, Uruguai e Paraguai.

O executivo justificou que o mercado brasileiro merece uma atenção especial pois é daqui que será a maior oportunidade de crescimento do console sonista.

Outro motivo que leva a Sony investir no PS2 é que com a entrada do console, a Tectoy deixará de concentrar esforços no Master System e Mega Drive – que são vendidos por aqui há muito tempo – e  porque o PS2 chegará com o preço equivalente a esses consoles: de R$ 400 a R$ 600.

Zeebo X PlayStation 2

Será o primeiro teste de fogo do novo console que é brasileiro. A Tectoy anunciou essa semana o console que é 100% nacional e promete revolucionar o mercado com a falta de mídia. Pois os games do Zeebo serão comprados por downloads por meio de uma rede de celular.

Quando o Ian, da Sony, anunciou novamente a presença do PS2 do Brasil, eu entendi como uma mensagem velada à Tectoy: tomem cuidado com o seu Zeebo, pois o PlayStation vem com tudo e vamos medir força para quem será o melhor.

Teremos uma briga boa por aqui até o PS3 descer por aqui. Só espero que em 2009 o grande beneficiado seja os gamers.

rodape_noresetnet

Zeebo: brasileira Tectoy lança o quarto videogame da nova geração

noreset_caray
zeebo_1
Cido CoelhoCaros, será que podemos dizer “temos orgulho de sermos brasileiros”? A Tectoy diz sim, nós temos orgulho.
O mercado global de games se surpreende com o anuncio daquela que foi representante brasileiro do console da Sega na “Guerra dos 8 e 16 bits”, com o Master System e o Mega Drive, e agora anuncia um novo console para peitar a família PlayStation, Xbox 360 e Nintendo Wii.

Zeebo, é o nome do console desenvolvido pela Tectoy e a americana Qualcomm. É o primeiro console do mundo que dispensa mídia (e a pirataria), pois o sistema será baseado na internet. E claro é o primeiro console do Brasil a altura dos japoneses (Sony e Nintendo) e yankees (Microsoft)

Vou usar um exemplo que eu li no texto da Clarice no Girls of War: é um videogame com PlayStation Store e Xbox Live embutido sem a possibilidade de usar DVD, BD (Blueray Disc) ou algum tipo de mídia.

A empresa brasileira demorou dois anos e gastou US$ 17 milhões para desenvolver o projeto.  Mudou o nome da empresa nos Estados Unidos de Tectoy of America para Zeebo Inc e junto com técnicos na California, com técnicos especialistas de Israel, China, França, Argentina, Japão, Estados Unidos, liderados pelo Brasil chegaram neste conceito de console.

EA vai produzir Need for Speed para o console brasileiro

EA vai produzir Need for Speed para o console brasileiro

Com isso, o foco da Tectoy serão os 4 maiores países em desenvolvimento – conhecido como Bric – Brasil, Russia, Índia e China, e vencer a luta contra a pirataria,

Para comprar os jogos, você tem que comprar créditos, como um celular pré-pago, e na rede ZeeboNet 3G, que no Brasil a rede será mantida pela Claro, você seleciona os jogos e compra. O cartão de créditos se chamará Z-Creditos (Credits) e tem valores de 20 Z-Credits a 100 Z-Credits. A promessa é de que os jogos custarão a partir de 10 a 30 reais.

A rede ZeeboNet 3G não funcionará pela internet convencional, com cabos e bandas largas. Mas sim por meio de Wireless (conexão sem fio). Você conecta o Zeebo no televisor e o proprio console acha o sinal da rede para acessar a central Zeebo.

Para a Tectoy é será uma revolução na forma de comercialização de games.

“Nosso modelo de comercialização de jogos é revolucionário e corajoso, não abre espaço para a pirataria e oferece uma experiência inovadora para os consumidores”, ressalta o presidente da Tectoy, Fernando Fischer.

especificacoes_zeebo

Quake estará presente no Zeebo do Brasil

Quake estará presente no Zeebo do Brasil

A Capcom, Electronic Arts, Sega, Namco, id Software e Activision prometeram embarcar no Zeebo. A Tectoy afirma que em 2009 a fabricante brasileira (quem diria) de games terá 50 jogos em 2009 no novo console.

Além disso a empresa brasileira está trabalhando num novo controle, o “acelerômetro” terá funções semelhante as do Wii Remote.

A Tectoy prometeu um preço acessível ao console, que deve chegar primeiro no Brasil, custando R$ 600 reais. E a princípio o Zeebo vai ter como rival o PlayStation 2 da Sony, que fabricará o console no Brasil, mas a brasileira quer alçar vôos mais altos.

Em dezembro a empresa espalhara por aí vários Zeebos para os brasileiros conhecerem a peça de perto e assim para ser lançado em março para todo o Brasil.

Parece até intuição. Um dia desses eu e o senhor Gustavo estávamos passeando pela avenida Paulista e disse justamente isso: jogo de video game no Brasil não pode custar acima de 30 reais e no máximo, estourando 50 reais. Pois jogo acima de 100 mangos com certeza, vai alimentar a pirataria porque ninguém, com um poder aquisitivo médio vai torrar 250 reais em um jogo sendo que cada um tem suas prioridades e compromissos.
A proposta do Zeebo é sensacional, ao mesmo tempo que mostra o poder tecnológico do Brasil, ao mesmo tempo demonstra que podemos fazer o nosso próprio console. O projeto tem tudo para dar certo é inovador e ele é equivalente ao PlayStation One e PlayStation 2. Além disso, as grandes produtoras estão de olho no console brasileiro porque com isso pode abrir uma baita oportunidade para a expansão do mercado de games no Brasil.
A Sony chega tarde com a fabricação do PlayStation no Brasil, mas está chegando e aos poucos eu vejo que a industria de games mundial olha para o Brasil com mais respeito e atenção maior.

Estou torcendo para que o Zeebo decole. Vamos dar um crédito para a Tectoy? Pensem nisso…

Confira a galeria do Zeebo

Veja também o vídeo da coletiva da Tectoy sobre o lançamento do Zeebo

rodape_noresetnet

Agora é oficial: PlayStation 2 está no Brasil

Foi confirmado. O PS2 passará a ser fabricado no Brasil, bem como será feita a prensagem dos jogos por aqui.

Veja o comunicado oficial dado pela Sony ao site UOL Jogos:
“A Sony Brasil submeteu, recentemente, um projeto à SUFRAMA para assegurar a possibilidade de investimento no Pólo Industrial de Manaus, caso decida-se pela comercialização da linha Playstation no Brasil. No momento adequado, a imprensa será notificada e informada sobre a decisão da empresa.”

Não há muitas explicações sobre esse fato, nem quando as produções terão início, mas isso é um bom sinal.
Embora o PS2 já esteja defasado, o console ainda é muito vendido por aqui (principalmente, lá onde eu moro…). Se for parar para analisar, faz algum sentido. Enquanto a Tectoy vende Mega Drives e Master Systems à exorbitantes R$300, veio bem à calhar algo para concorrer com isso (essa frase foi proferida pelo filósofo Geraldo Figueiras, lá no Girls of War, vai lá ver).

Ainda assim, os números me soam estranhos. Serão investidos 8,8 Milhoes de reais para a produção de apenas 450 mil unidades e geração de 74 empregos diretos. Só 74 empregos? A NoReset Inc Corporation emprega bem mais que isso…

Embora tarde, fiquei mais ou menos feliz. Isso é um bom passo para a indústria nacional, afianl quem sabe eles possam produzir o PS3 aqui também. Ainda assim, me entristece o fato de demorar TANTO para que tal fato acontecesse. No mais, eu não creio em uma queda de preços brusca.

Sony se prepara para a morte do PlayStation 2

O reinado do PlayStation 2 está chegando ao fim. De acordo com a Sony, o console, que tem o recorde histórico de mais de 130 milhões de unidades vendidos, pois a gigante nipônica se prepara para o declínio do PS2, que está no mercado a quase 9 anos.

Apesar da quebrada de galho que o PlayStation 2 no lançamento pífio e caro do seu irmão mais novo – PlayStation 3 (que só dá prejuízo financeiro à Sony)- a companhia pensa agora em investir todas as suas forças (e não são poucas) para que o PS3 consiga o mesmo que os seus antecessores. Até mesmo o pequeno PSP, está a frente do console mais poderoso da Sony.

Veja o gráfico abaixo e acompanhe a evolução das vendas da família PlayStation no ano fiscal 2006/2007.

PlayStation 2 Cinnabar Red


A Sony Computer Entertaiment lancou no mercado japonês um novo PlayStation 2: o vermelho. O console foi  batizado Cinnabar Red ou SCPH-90000 CR e chegará às lojas do Japão em 3 de julho custando 16 mil ienes ou US$ 153.

Há quase 9 anos o PS2 continua entre os consoles bem vendidos da empresa nipônica e com vários títulos previstos para o terceiro trimestre deste ano.

Desde o lançamento a Sony vendeu mais de 130 milhões de unidades da segunda geração do PlayStation.

Lançamentos chegam às prateleiras


Para começar a fria (brrrrr) manhã de segunda-feira, as novidades que chegam para os principais consoles e saciar a sede dos gamers. Os destaques ficam para o LEGO Indiana Jones, para todos os consoles e o tão esperado lançamento da Microsoft, Ninja Gaiden II, do Xbox 360. Confira abaixo a lista de lançamentos que começam chegar as lojas norte-americanas:

PC

. GRID
. Kung Fu Panda
. LEGO Indiana Jones
. The Incredible Hulk

DS

. Kung Fu Panda
. Summon Night: Twin Age
. The Incredible Hulk

PlayStation 2

. Kung Fu Panda
. LEGO Indiana Jones
. The Incredible Hulk

PlayStation 3

. GRID
. Kung Fu Panda
. LEGO Indiana Jones
. The Bourne Conspiracy
. The Incredible Hulk

PSP

. Everybody’s Golf 2
. LEGO Indiana Jones

Wii

. Kung Fu Panda
. LEGO Indiana Jones
. The Incredible Hulk

Xbox 360

. GRID
. Kung Fu Panda
. LEGO Indiana Jones
. Ninja Gaiden 2
. The Bourne Conspiracy
. The Incredible Hulk

INFORMAÇÕES COM UOL GAMES

Sony está feliz com “família” PlayStation

PlayStation

A Sony está rindo a toa! A família Playstation, que tem o PlayStation 2 , 3 e o Portable vendeu mais de 4 milhões de unidades nos Estados Unidos.

O PlayStation Portable vendeu em dezembro 1,4 milhão de unidades ficou em primeiro lugar, seguido do PlayStation 2 com 1,3 milhão e apesar da lanterna, o PlayStation 3 encostou nos outros membros da “família” com 1,2milhão.

Logo Blu-RayPlayStation 3 ajuda na popularização do Blu-ray – Jack Tretton, presidente e CEO da Sony Computer Entertaiment America explicou que aos poucos, com o aumento gradativo das vendas do PlayStation 3 está ajudando a consolidar o Blu-ray como a mídia de alta-definição da próxima geração.

“As fortes vendas do PS3 ajudaram a estabilizar ainda mais a posição dominante do Blu-ray como a mídia de alta-definição adotada para jogos e filmes”, disse Tretton.

E para o CEO da SCEA o PS3 já está com um bom acervo, que passou os 200 jogos.

O NPD Group apontou que no mês de novembro o PlayStation 3 vendeu 116 mil consoles por semana com um avanço em dezembro.

Será que em 2008 o PlayStation 3 desencalha?