• _

Uwe Boll ganha prêmio de melhor diretor


Tá ligado o Uwe Boll né?
É aquele diretor de cinema esquisitão que transformou bons games em perólas do cinema, como Alone in the dark e The house of the dead.
Pois bem, e não é que o cara ganhou um prêmio de melhor diretor?

(1 minuto de silêncio)

/o\

Sim leitor, Uwe Boll levou para casa o prêmio de melhor diretor pelo Hoboken Film Festival , um prêmio de cinema lá de New Jersey. Ainda bem que foi só por lá mesmo…
Não contente em levar uma estatueta, Mr. Boll ainda abocanhou o prêmio de melhor filme com Postal.

(mais 1 minuto de silêncio)

E o que é pior, o cara levou o prêmio em cima de blockbusters do cinema como Iron Man, Indiana Jones (que foi lançado no mesmo dia de Postal) Speed racer, entre outros. Outro fator estranhíssimo: O filme só passou em apenas 18 cidades dos Estados Unidos inteiro!
Até parece jabá!

E para piorar tudo, Vince Desi, presidente da Running with Scissors, produtora e desenvolvedora do game, encheu mais a bola do alemão louco dizendo nada mais nada menos que:

“Quando fãs falam, nós vencemos. Nós sabemos disso pela nossa experiência na indústria dos jogos e agora o negócio nos cinemas só o confirma. O sucesso continuado da franquia Postal em todas as suas formas é prova de que a democracia funciona. Não se pode parar o que está no coração das pessoas. A liberdade vai sempre triunfar sobre a tirania”.

Tirania? Que tirania, rapá! Tirania é o que Uwe Boll faz com os filmes dele e com a gente…

Danou-se. Agora é que ninguém mais fica livre de Uwe Boll.

Informações com GameTotal

Um personagem estranho em novo filme de Street Fighter

Um minuto de silêncio…

Pelo jeito o filme SF: The legend of Chun-Li será uma bomba!

Mais um personagem para esta futura pérola foi revelado: Será a detetive Maya Sunee, criada especialmente para a película. A detevtive será interpretada pela atriz… Moon Bloodgood. (que nome do caray é esse?)

O personagem da senhorita “Lua sangue-bom” será uma detetive tailandesa, boca suja e investigadora de homicídios.

Grande coisa…

Prepare-se. Com esse elenco de “grande porte” que os diretores do filme já confirmaram, quero só ver as críticas…

Se quiser conferir a notícia com seus próprios olhos, vai lá no IGN.

Gears of War: O filme


O site ComingSoon.net divulgou que o game Gears of War terá uma adaptação no cinema. O game adaptado para o cinema foi anunciado em março de 2007 pelo produtor Wyck Godfrey, que afirmou que
o script está pronto e só falta o ok do diretor.

Desde novembro de 2006, quando o foi lançado, Gears of War vendeu mais de 4,5 milhões de unidades e é exclusivo para Xbox e Xbox 360.

Os produtores esperam que as vendas se reflitam nas bilheterias dos cinemas. O filme tem previsão para entrar em cartaz entrejunho e julho de 2010.

Saiba mais no site não oficial do filme http://gearsofwar.moviechronicles.com/.
É ver para crer…

Análise de filme: Hitman, Assassino 47

Cinema NoReset

O filme Hitman, Assassino 47 estreou na última sexta-feira (14), nas salas de cinema de todo o país.

Inspirado no game Hitman, produzido pela Eidos, o filme conta a história de um assassino anônimo, conhecido apenas como “47”, que trabalha para uma instituição secreta de assassinos.

A história, que se passa na Rússia, trata de um novo serviço para o agente 47, que deve assassinar o primeiro ministro russo. Mas alguma coisa da errada e a Interpol, em união com o exército russo e um monte de Hitmans começa uma caçada ao anti-herói.

Durante a perseguição, Hitman conhece Nika, uma prostituta russa que é “propriedade” do primeiro ministro, no qual deve protegê-la da armação criada pelo próprio político.

hitmanposter.jpgO assassino, interpretado pelo ator pouco conhecido Timothy Olyphant (do seriado de TV Sex and The City), tem como principal característica a cabeça raspada e um código de barras tatuado na parte de trás da cabeça.

Ele é frio, calculista e insensível, coisa que o ator consegue passar muito bem na teona. Timothy quase não sorri, pisca ou até mesmo respira, mantendo uma postura quase robótica e desprovida de sentimentos, digna de um assassino profissional.

Com essa postura, quase sem expressões que o ator se destaca, diferentemente do resto do elenco que também é pouco conhecido do grande público possui atuações mornas.

A ação aliada aos efeitos de câmera, é o grande destaque do filme, explosões, tiros, assassinatos e conspirações.

Porém peca algumas vezes, já que no jogo a forma discreta do personagem é essencial para concluir a missão.

A história, embora seja muito boa, perde-se em várias informações descartáveis, envolvendo CIA, Interpol, exército russo, conspirações e clonagens, podendo confundir a cabeça dos menos atentos.

Nota 7,5

Enfim, um bom filme, recomendado para quem jogou ou não o game. Há quem diga que se o papel ficasse na mão de Vin Diesel (que participa da produção do filme), seria melhor. Disso não posso discordar, mas posso garantir que Timothy Olyphant segura as pontas como o agente 47 criado pela Eidos.

Nota: Nos primeiros trinta minutos de filme, há um erro de continuação grotesco. Repare que Nika tem uma tatuagem de dragão do lado esquerdo da face. Quando Hitman a retira de seu quarto de hotel e a leva para outro lugar, a moça está sentada… mas com a tatuagem do lado direito do rosto. E assim segue-se por mais dois takes de câmera, até que no terceiro a tatuagem muda para o lado esquerdo do rosto novamente.

Criador do “Prince of Persia” pretende fazer um filme baseado em “Zorro” e “O Ladrão de Bagdá”

 Cinema NoReset
Prince of Persia

Jordan MechnerO criador da saga “Prince of Persia”, Jordan Mechner, comentou no site GamaSutra que o filme se passa durante o com algumas mudanças.

Mechner explicou que o game apresenta um grande cataclisma que transforma quase todos os personagens do jogo em monstros de areia furiosos e assassinos.

“É uma grande ambientação para a jogabilidade que queriamos, algo como ‘horror de sobrevivência acrobático da Pérsia”, diz.

O autor do game teme que se o filme seguir o roteiro do jogo, “vai parecer um daqueles filmes “B”. O modelo de filmes que pretende seguir é o de “filmes nos estilos de ação, aventura, clássicos e épicos, como ‘Caçadores da Arca Perdida’, ‘Zorro’ e ‘O Ladrão de Bagdá’, com humor e romance, cheio de personagens memoráveis”.

COM INFORMAÇÕES DO FINALBOSS

Akira (アキラ) terá DVD

Cinema NoReset

AkiraO classico anime Akira foi anunciado pela Focus Filmes. A empresa deverá lancar o DVD em março de 2008.

O site JBox fez uma parceria com a empresa distribuidora do anime para fazer uma pesquisa junto ao público determinando quem qual imagem será trabalhada para o formato da capa e da embalagem.

Sobre Akira – É um dos mangás japoneses mais populares de todos os tempos. Criado por Katsuhiro Otomo, é considerado um clássico do estilo cyberpunk. Em 1988 foi lançada o longa metragem com roteiro assinado por Katsuhiro Otomo.

A história passa em Neo-Tóquio, Tóquio reconstruida, sobre o que é hoje a Baía de Tóquio que foi destruída durante a III Guerra Mundial.

A III Guerra Mundial foi supostamene iniciada pelos poderes sobrenaturais de uma criança chamada Akira, que foi registrado num programa governamental secreto de pesquisa.

Muita ação e mistério passam sobre esta criança. Vale a pena ver de novo, desta vez em DVD!

INFORMAÇÕES COM JBOX