• _

BioWare anuncia Mass Effect 2

noreset_plantaomass-effect-21mass-effect-2
cidocoelho_profileA BioWare oficializou o lançamento da segunda versão de Mass Effect, que será lançado para o Xbox 360 e PC no começo de 2010 e rumores apontam que o PlayStation 3 também terá uma versão, informou o site Gamezine.

O CEO da BioWare e Vice-Presidente da EA, Ray Muzyka, contou que a nova versão do game será ainda mais desafiador.

“Estamos indo para superar o extraordinário jogo experiência que levamos aos nossos fãs, através da apresentação de Mass Effect, com combate intensificado e várias opções de armas, bem como aumento da profundidade da exploração do planeta, tudo ao mesmo tempo oferece um poderoso, emocional e envolvente história”, contou.

Depois da informação de uma possível versão no PS3, a EA declarou no site Videogamer.com que “não há informações sobre uma versão de PS3 no momento”.

Então tá…

rodape_promo2

PS3 no topo das vendas no Japão!

 

noreset_gamenewscidocoelho_profileApós Star Ocean: The Last Hope ter ajudado a engordar o cofre da Microsoft, na semana entre 22 de fevereiro a 1 de março, agora o PlayStation 3 teve a mesma chance.

Yakuza 3 empurrou as vendas do console no Japão, que foi lançado no dia 26 de fevereiro, e com isso foram vendidas na semana 372 mil unidades.

Com isso, o PS3 ficou na tabela dos consoles mais vendidos. O PSP não ficou para trás, o lançamendo de Dynasty Warriors: Strikeforce garantiu uma boa disputa nas vendas na terra nipônica.

O PSP ficou em 3º lugar nos mais vendidos, porém a diferença entre o portatil da Sony e o DS, da Nintendo, que ficou em segundo lugar nas vendas, foi de 239 unidades. Podemos dizer que houve um segundo lugar técnico entre os dois portáteis.

Veja o gráfico com as vendas do final do mês de fevereiro e o começo de março:

grafico_vendasmar09ps3lider
rodape_promo

Need for Speed Shift e as primeiras imagens

noreset_gamenewsneedorspeedlogonfss6

cidocoelho_profile

O primeiro Need for Speed prometido pela EA Games já tem as primeiras imagens disponíveis para o público. O Need for Speed Shift será voltado para jogadores hardcore e está prometido para PC, Xbox 360, Nintendo Wii, PlayStation Portable e PlayStation 3.

O jogo promete ser muito bonito. Agora se a diversão é garantida? Aí vai ser outra história…

Veja na galeria abaixo os fotos do NFS Shit Shift:
 

INFORMAÇÕES COM KOTAKU E UOL GAMES

rodape_noresetnet3rodape_promo


Como “funfa” o Windows…

noreset_channelcidocoelho_profileEstava madrugando aqui no micro, assistindo vídeos no You Tube, quando encontrei esse vídeo muito bacana. Nele conta como o sitema operacional Windows funciona.

O vídeo é uma sacada bem feita, parece até o meu processador! hahaha

Assista, é bem legal!

 

rodape_promo
rodape_noresetnet3

Capoeira Legends: entrevista com André Cariús, da Donsoft Entertainment

noreset_entrevistamarca_cl

cidocoelho_profileOlá internauta NoReset! Você que acompanha este blog diariamente percebeu que um dos textos mais procurados por aqui é um jogo brasileiro, que já é considerado um marco na história da indústria dos games no Brasil.

Capoeira Legends: Path to Freedom – Capítulo 1, que foi publicado anteriormente no NoReset pelo Gustavo Oliveira, foi e continua sendo o grande destaque na imprensa brasileira e internacional. Eu verifiquei no motor de buscas do NoReset, o jogo está na liderança dos assuntos mais procurados. Por isso, consegui uma entrevista – com exclusividade entre os blogs – com o presidente e fundador da Donsoft Entertaiment, André Cariús.

carius_donsoft2Instalados no Estado do  Rio de Janeiro, Cariús (foto), 29, e a equipe da Donsoft conseguiram o feito de criar um jogo que é dedicado a cultura brasileira e ao mesmo tempo, conseguiu mostrar como o Brasil tem capacidade de se tornar um gigante no mundo dos games. Isso porque temos que considerar que temos a pirataria como um grande inimigo dos publicadores brasileiros.

Mesmo com uma equipe pequena, o jogo Capoeira Legends mostrou que pode brigar como gente grande contra as publicadoras de games tradicionais do mundo dos games, trazendo um jogo com boa jogabilidade, gráficos e usando o conteúdo regional. E tudo isso, custando apenas R$ 30 para um gamer que gosta de uma boa aventura é uma boa pedida.

Equipe interna da Donsoft Entertainment, que está instalada no Rio

Equipe interna da Donsoft Entertainment, que está instalada no Rio

Mesmo com o tempo apertado –  segundo o André, está trabalhando mais de 16 horas diárias –  o  executivo da Donsoft respondeu as pergutnas enviadas por mim  na noite do Carnaval. Confira logo abaixo a entrevista exclusiva:

—-

NoReset: Conte para os leitores do NoReset  um pouco da Donsoft Entertainment.
André Cariús: A Donsoft é independente e 100% brasileira. A ideia veio em 1993, em Petrópolis (RJ), eu era um programador de 13 anos de idade, quando reuni um grupo de amigos e criamos uma “TechDemo” de um jogo “adventure 2D” para tentar comercializar. Porém, não conseguimos um publicador, apesar de ter recebido uma atenção especial do presidente da Brasoft, na época. Mas, acredito, que deve ter sido estranho para ele falar ao telefone com um “empreendedor” de 13 anos.

Ao longo do tempo as pessoas abandonavam o projeto, especialmente por serem muito novas – média de 13 a 15 anos de idade. Foi aí que percebi que precisava de dinheiro ou de algo que conseguisse manter um time para a conclusão de um projeto. Como dinheiro não era o forte, passei anos mantendo as pesquisas de tecnologia e design de jogos e em paralelo a isso estudei muito um modelo adequado que possibilitasse a criação de uma empresa independente e que fosse interessante societariamente para todos os envolvidos.

Com um modelo que valoriza trabalho e capital investido nas mesmas proporções (50% do capital social da empresa para cada um dos dois tipos de investimentos), a empresa foi oficialmente fundada em 2001. Passamos dois anos prestando pequenos serviços para empresas brasileiras.

Em 2003, convidei outros sócios (Como por exemplo o Diretor de Arte & Design, Guilherme Xavier; o Diretor Científico-Cultural, Jorge Ricardo Valardan Domingos e o Diretor de Tecnologia, Alexandre Bandeira) e direcionamos a empresa para a cultura e folclore brasileiros.


capoeiralegends1 

NoR: Como nasceu a ideia de desenvolver o jogo de Capoeira?
AC:
Em 1989, quando tinha 9 anos de idade, comecei a estudar programação de computadores. E nessa época me tornei um grande fã de videogames e de histórias como Guerra nas Estrelas e Senhor dos Anéis. Aos 13 anos decidi que dedicaria minha vida à criação de jogos e que queria criar um universo tão rico como os dois citados. Após muitos anos de aprendizado, amadurecimento, trabalho, orientação e muita pesquisa, encontrei na Capoeira um tema completo o suficiente para que um universo de ficção bem fundamentado fosse criado.

A Capoeira é um esporte, uma arte, uma luta, uma dança e uma filosofia que na minha opinião traduz em si a essência do Brasil. E foi exatamente neste momento, por volta de 2003, que tive certeza que a Capoeira era o tema que busquei a vida inteira para construir um universo de jogos com o qual ainda pretendemos trabalhar muitos jogos. A decisão de tornar a Donsoft uma empresa focada em Cultura Brasileira foi de todos os sócios, mas podemos considerar o Diretor Científico-Cultural, Jorge Ricardo Valardan Domingos, como o principal responsável por este fato.

NoR: Como foi o desenvolvimento do jogo?
AC: Começamos o projeto em 2003. O tempo efetivo de desenvolvimento no produto final foi de 1 ano e meio. Porém, entre 2003 a 2009, está incluido uma profunda pesquisa sobre a Capoeira, pesquisa e desenvolvimento de ferramentas tecnológicas e técnicas de modelagem e animação; além de diversas tentativas sem resultado satisfatório com as várias tecnologias que avaliamos para desenvolver o jogo.

NoR: Como foi a consultoria do Mestre Vuê?

Mestre Vuê é um dos principais personagens do jogo

Mestre Vuê é um dos principais personagens do jogo

AC: Quando iniciamos o projeto, começamos a buscar uma boa consultoria de Capoeira para  mesmo. Fomos à Bahia e a outros locais com tradição na Capoeira e vimos que havia muitos trabalhos de qualidade por todo o Brasil, apesar de existirem muitos trabalhos claramente pouco fundamentados também.

 

A identificação com o Mestre Vuê ocorreu quando fomos vendo que por todo o Brasil existem mestres ótimos em diversas coisas. Alguns são muito técnicos, alguns tocam muito bem os instrumentos, outros têm um foco forte na Capoeira de Angola, fazem instrumentos de muita qualidade,  são muito fiéis às tradições de Mestre Bimba e da Capoeira Regional, desenvolvem um trabalho com o foco na disciplina ou conhecem muito bem a história da Capoeira. O Mestre Vuê reunia absolutamente todas essas qualidades e sua vida é a Capoeira. A Capoeira está presente em tudo que ele faz, em cada passo que ele dá, no ar que ele respira. E era exatamente isso que procurávamos.

Não que não existam outros mestres assim, temos certeza que devem existir, mas o fato é que somado a estes fatos a humildade e a forma que fomos recebidos pelo Mestre Vuê foram um diferencial fundamental. Desde o início ele disse uma única frase que reflete 100% de como trabalhamos: “Estou aqui para somar. Eu não luto Capoeira, Eu luto pela Capoeira”.

O Mestre Vuê ajudou em toda a consultoria histórica, nas músicas no jogo, nos movimentos dos personagens e sempre confiou em mim de forma plena, sem nunca sequer questionar quanto à sua participação nos lucros do jogo, o que naturalmente agora vamos fazer (Porque fazemos questão, já que por ele o que importa é somar à Capoeira e não o dinheiro). Tudo o que ele buscava e continua buscando é mostrar um trabalho de Capoeira de qualidade para o mundo, seja em suas aulas ou agora através do jogo do qual ele participa.

É importante ressaltar que um Instrutor de Capoeira, Hugo Freitas, filho de Mestre Vuê, acompanhou a criação de cada um dos movimentos de perto e é um dos sócios-colaboradores internos da Donsoft.

Gunga Za é o outro protagonista de Capoeira Legends

Gunga Za é o outro protagonista de Capoeira Legends

NoR: Como o público tem recebido a chegada dessa nova proposta de jogo, que tem a cultura brasileira como a temática principal?

 

AC: Como infelizmente alguns brasileiros nem sempre dão valor à nossa cultura, esperávamos uma grande repercursão internacional e uma repercursão nacional muito menor.

Internacionalmente ainda não começamos a divulgar muito e já há alguma repercursão, mas o fato é que estamos bastante felizes sobre a repercursão nacional que o jogo está tendo, que foi 100% espontânea.

Existem elogios e críticas e todos são muito bem vindos. Ficamos felizes com os elogios e tentamos melhorar com o que lemos nas críticas construtivas e fundamentadas.
 

Temos grande interesse em publicar o Capoeira Legends completo para algum console ou talvez outro jogo da série. Inclusive vamos procurar a Tec Toy para conversar sobre o Zeebo.

NoR: Não seria mais fácil fazer uma temática, digamos, tradicional? Como um soldado espião dos norte-americanos que vai tentar evitar uma guerra no Iraque, por exemplo?

AC: Respeitamos as escolhas de todas as outras empresas de jogos brasileiras e o que faz o mercado de jogos ser tão fantástico é sua diversidade, não tenho dúvidas disso. Porém, a Donsoft escolheu um foco para ter como seu diferencial e é exatamente nessa linha que vamos nos manter. A cultura e o folclore brasileiros fazem parte de nossa missão como empresa.

Seria sim mais simples fazer um jogo sobre os temas tradicionais, assim como fazer um FPS ou algo tecnicamente menos desafiador. Porém, nós buscamos fazer aquilo que consideramos importante para o país e para seu espaço no mercado internacional de jogos.
capoeiralegends6 

NoR: A Overplay, que é uma produtora brasileira, criou o I Wanna be a Popstar, para o Nintendo DS. A Donsoft não pensa em criar o Capoeira Legends para alguma plataforma da nova geração?
AC: A Donsoft tem um grande interesse em publicar o Capoeira Legends para outras plataformas (Wii, PS3,  Xbox 360, Nintendo DS, PSP etc.). Porém, nosso foco atual está no desenvolvimento do segundo e capítulo e antes de tudo vamos lançar os 3 primeiros capítulos neste ano para PC.

Logo em seguida, em 2010, temos grande interesse em publicar o Capoeira Legends completo para algum console ou talvez outro jogo da série (Sim, já temos o roteiro). Inclusive vamos procurar a Tec Toy para conversar sobre o Zeebo.

andre_carius2

A Donsoft escolheu um foco para ter como seu diferencial e é exatamente nessa linha que vamos nos manter. A cultura e o folclore brasileiros fazem parte de nossa missão como empresa.


NoR: Apareceu alguma grande fabricante de console interessada ou alguma produtora para dar apoio ou fôlego para algum novo  jogo?

Estamos em contato com um grande fabricante de consoles internacional, estudando a possibilidade do lançamento do Capoeira Legends: Path to Freedom para um de seus consoles.

Porém, ainda é muito cedo para que haja alguma conclusão e não podemos divulgar nenhuma informação sobre o assunto.

NoR: Após a publicação dos três capítulos do Capoeira Legends, vocês pensam em um novo jogo com uma nova temática brasileira?  Como seria? Talvez, uma Guerra do Paraguai ou até mesmo a Guerra dos Farrapos… Acho que renderia jogo, hein?
AC: Sem dúvidas são excelentes temas! Porém, já temos as metas dos próximos anos bem definidas. Já avaliamos outros temas e estamos em negociação quase fechada com uma iniciativa tradicional profundamente relacionadas à cultura brasileira. Porém, infelizmente, não podemos divulgar nada antecipadamente.

É importante ressaltar que apesar de ser possível trabalharmos em outros produtos, nosso foco é e será por muitos e muitos anos a série de jogos Capoeira Legends e no que depender de mim, como presidente da empresa, este será um produto que continuaremos desenvolvendo para todos os videogames no futuro para o resto da história da empresa – que esperamos que dure até o fim de nossas vidas.

O Capoeira Legends: Path to Freedom, que está dividido em 3 capítulos, é apenas o primeiro título de uma série de jogos deste universo.

andre_carius5
Estamos em contato com um grande fabricante de consoles internacional, estudando a possibilidade do lançamento do Capoeira Legends: Path to Freedom para um de seus consoles.

NoR: Como CEO da Donsoft, você deve ter observado que lá fora e até mesmo por aqui, as produtoras grandes estão comprando as  pequenas – cito como exemplo a Ubisoft que comprou a gaúcha Southlogic Studios – como que você enxerga o mercado de games  nessa crise e principalmente no Brasil?
AC: Acreditamos nas iniciativas independentes. Por mais que a fragilidade financeira seja maior, nada vale mais do que a liberdade de criar aquilo que acreditamos transmitir as mensagens positivas que queremos transmitir.

Já conversamos com muitos investidores e sabemos que toda empresa que cresce tende a receber ofertas para ser comprada por alguma grande produtora. Seria imaturo dizer que estamos fechados a qualquer proposta no futuro. Porém, não faz parte de nossos objetivos e vai contra nossas direções atuais.

capoeiralegends2

NoR: Como você enxerga o mercado de games brasileiro?
AC: O Brasil desenvolve jogos há muitos anos, há muito mais tempo do que alguns pensam, pelo que me consta – se não me engano, desde 1982 – e apesar de ainda não ter uma fatia expressiva no faturamento mundial da indústrial de jogos, não tenho dúvidas de que está caminhando para isso com uma grande variedade de novos títulos com alto padrão de qualidade.

O país possui ótimo conhecimento tecnológico em suas universidades, uma criatividade absurdamente alta, uma versatilidade acima dos níveis mundiais e é capaz de fazer muito com pouco. O que nos faltou por muitos anos foram iniciativas que conseguissem se manter com o pouco volume de incentivos que o mercado ainda tem no país. Porém, algumas iniciativas independentes e outras contando com investidores privados que estão percebendo o poder deste mercado, estão, na minha opinião, inserindo o país em um rumo de sucesso no mercado internacional.

Além disso, incentivos governamentais mais fortes estão surgindo e apesar de a Donsoft não ter sido contemplada com nenhum, ficamos muito felizes de saber que o governo está começando a voltar seus olhos para o poder dos jogos, a mídia interativa que transformou o mundo. Vejo dezenas de empresas de jogos desenvolvendo um bom trabalho e torcemos pelo sucesso de todas! Acho que importantes passos têm sido dados. Agora temos que lutar juntos contra a pirataria, contra o preconceito com as empresas brasileiras que existe especialmente aqui no Brasil e utilizar o conhecimento profundo de nossos gamers (Estamos entre os melhores do mundo na maioria das modalidades do e-sport) para criar jogos cada vez melhores.

Na Donsoft 90% da equipe é formada por jogadores realmente hardcore. Dentro da empresa tem desde campeão brasileiro de Counter Strike Source até viciados em World of Warcraft com 30 personagens level 80. Em termos de console, todos os sócios e funcionários têm algum console. Temos até o caso de um que tem PS3, Wii, Xbox 360, PSP, Nintendo DS e PC (risos).  Fora um grande campeão mundial de Time-Attack, que faz parte da equipe Design.

A maioria na empresa é muito fã de Nintendo e fazemos alguns campeonatos de diversos jogos de Nintendo Wii com frequência. Eu, particularmente jogo vídeogame  e computador desde 1985 e passei por quase todos os consoles que existiram… Acredito que videogame já faz parte de nossa cultura e com isso tornar videogame parte de nossa economia é uma consequência natural.

NoR: Obrigado pela entrevista! Qual é o recado ou mensagem que você gostaria de passar para o povo noresetiano?
AC: Antes de tudo eu gostaria, em nome de toda a Donsoft, de parabenizar o NoReset pelo conteúdo sempre atualizado, inovador e bem editado. Gostaríamos também de agradecer pela oportunidade de apresentar um pouco de nosso trabalho aqui.

Agradecemos também a todos que estão elogiando e criticando nosso jogo. Ficamos muito felizes com os elogios e estamos buscando aprender o máximo com as críticas construtivas e fundamentadas para melhorar cada vez mais a qualidade de nossos produtos.

Por fim, convidamos o Brasil e o mundo a conhecerem o Brasil, nossa cultura e história sob uma nova perspectiva, o Capoeira Legends: Path to Freedom. Acreditamos que temos uma mensagem muito positiva para levar a todos com este jogo.

donsoft-logo11RAIO-X
DONSOFT ENTERTAINMENT

Origem: Petrópolis/RJ
Site:
www.donsoft.com.br
Fundada em 2001
Empregados: 19 

Membros que desenvolveram o primeiro capítulo de Capoeira Legends: Path to Freedom

Presidente e Fundador: André Cariús 
Diretor de Artes e Design: Guilherme Xavier
Diretor de Tecnologia: Alexandre Bandeira
Diretor Cultural e Científico: Jorge Ricardo Valardan Domingos
Designers: Alberto Renzo, Mário Azevedo, Marcus Feital, Leonardo Pereira e Gabriel di Stasio
Programadores: Vinícius Leite e Wellington de Oliveira
Lead Tester : Rômulo Silva
Tester: Márcio Moreira
Consultoria de Capoeira: Mestre Vuê e Hugo Freitas
Site da Escola de Capoeira Água de Beber:  
www.aguadebeber.com.br
Site do jogo: www.capoeiralegends.com

——

UPDATE:

PARTICIPE DO NOSSO CONCURSO CULTURAL CAPOEIRA LEGENDS. ESCREVA UMA FRASE SOBRE O QUE VOCÊ FARIA PARA CONSEGUIR O JOGO.

A MELHOR FRASE, QUE SERÁ ESCOLHIDA PELA DONSOFT, VAI GANHAR UMA UNIDADE DO JOGO CAPOEIRA LEGENDS: PATH TO FREEDOM E UMA CAMISA MUITO BACANA!

O QUE ESTÁ ESPERANDO? É SÓ ATÉ O DIA 08 DE MARÇO!

MAIS INFORMAÇÕES AQUI!

BOA SORTE!

rodape_noresetnet3

Emprego: Google e Microsoft também passam o facão

noreset_technews
microsoft-google

Cido CoelhoFaz tempo que o facão não trabalha assim hein? Agora ele está nas mãos das poderosas Google e Microsoft que também vão demitir funcionários para cortar gastos. O Google anunciou que vai demitir 100 recrutadores de pessoal e fechará três escritórios de engenharia, já a Microsoft considera a possibilidade de cortar vários postos de trabalho em várias divisões da companhia.

De acordo com o Wall Street Journal, a Microsoft  poderá demitir durante a divulgação dos resultados trimestrais. A empresa de tecnologia tem cerca de 91 mil empregados no mundo.

Porém antes de cortar a Microsoft vai estudar outros meios para tentar salvar a cabeça dos seus colaboradores.

Do lado do Google, a empresa divulgou que vai precisar de uma quantidade menor de pessoas dedicadas à contratação de funcionários. Isso porque a empresa cortou trabalhadores terceirizados e reduziu alguns benefícios dos funcionários. Esse pode ser o primeiro corte de empregados “full-time” da história da empresa, que foi fundada em 1998, começando como um simples buscador na internet.

Veja os dados das duas gigantes de tecnologia:

Os dados foram tirados do site Top Rated

microsoft-vs-google-the-battle

Idade:
Google: 10 anos;
Microsoft: 33 anos.

Rendimento nos últimos 4 trimestres:
Google: US$19.6 bilhões;
Microsoft: US$60.4 bilhões.
Rendimentos da Microsoft quando completou 10 anos: US$140 milhões (US$279 milhões em dólares de hoje)

Rendimento por hora nos últimos 4 trimestres:
Google: US$2.2 milhões
Microsoft: US$6.9 milhões

Lucro nos últimos 4 trimestres:
Google: US$4.85 bilhões
Microsoft: US$17.6 bilhões

Número de empregados
Google [dados de 30 de junho]: 19,604
Microsoft [dados de 31 de maio]: 89,809

Rendimento por empregado:
Google: US$1 milhão
Microsoft: US$672,000

Valor de mercado:
Google: US$142 bilhões
Microsoft: US$241 bilhões
Número de empresas com valor de mercado maior que o do Google: 3 (Microsoft, IBM. e Apple, nessa ordem)

Buscas em todo o mundo (julho):
Google: 48.7 bilhões
Microsoft: 2.3 bilhões

Buscas por hora em todo o mundo (julho):
Google: 65 milhões
Microsoft: 3.1 milhões

rodape_noresetnet3

Rápidas da CES – FINAL

cabeca_ces2009Cido CoelhoA Consumer Electronic Show chega ao fim voltando ao passado e com promessas para a sucessão das telas LCD. O balanço que eu faço é que não apareceu nada mirabolante. O lado bom disso é que as empresas estão se conscientizando mais com o consumo de energia, produzindo eletrônicos “verdes” com o consumo de energia até 60% menor que as TVs LCD existentes no mercado.

Outra novidade para ajudar a “salvar o meio ambiente” é que os sucessores da LCD vem para mostrar a melhor imagem, no menor espaço e com pouca energia elétríca. Além disso, nos deparamos com algumas promessas com o PlayStation 3 3D, Xbox IPTV, notebooks cada vez menores, cameras digitais e vídeo menores e mais potêntes e um beta de Windows que ficou na promessa.

As principais cerejas do bolo da CES foram a integração de celulares com relógio, o aumento da realidade virtual e da alta definição e a briga entre as fabricantes para ver quem faz a TV mais fina do mundo. E você? O que achou da CES?

Veja as ultimas bugigangas que foram os princiapais destaques e até o International CES 2010.

Movimento retrô 1: Retro Duo

retro_duo

A empresa Innex voltou ao passado criando um console que tem compatibilidade com o Super Nintendo e o Nintendinho.
Nas cores vermelha e dourada o video game é compatível com os jogos produzidos nos Estados Unidos e a maioria dos jogos japoneses. Na parte superior do console você vê as duas entradas – o para cartuchos japoneses e a entrada grande para o SNES e o NES americano.
A empresa não divulgou quanto custará o brinquedinho clássico.

—-

Momento retrô 2: NES Portátil

portablenes

Sim, empolgada a voltar ao passado, a Innex também apresentou o FC Mobile que é um portátil do tamanho de um Game Gear e dá para colocar cartuchos do NES. Com uma tela pequena, mas com boa qualidade, o portátil retro vem com cabos AV para ligar na TV e jogar, claro, e no estande da empresa fabricante existia uma demonstração do portátil com uma fita com os jogos Mario Bros e Duck Hunt.

—-

A TV por internet do Xbox 360 está chegando

A Microsoft deixa claro que deseja deixar o 360 um verdadeiro centro de mídia como a Sony prega com o seu PlayStation 3.
A promessa é que as grandes redes de TV possam transmitir o sinal de TV na rede de internet direto para o Xbox, com uma taxa mensal, é claro. A Microsoft já está fazendo alguns testes na Inglaterra com a companhia telefônica British Telecom. Entretanto nos Estados Unidos ainda não tem data programada para começarem os testes.

—-

OLED vem para ficar

As TVs ultra finas ainda custam caro para serem fabricadas

As TVs ultra finas ainda custam caro para serem fabricadas

Um dos destaques da CES foram as telas OLED que prometem suceder as telas de cristais líquido ou as famosas LCD. Apesar da tecnologia ainda ter um custo alto as fabricantes estudam e apresentam como as telas ultra finas podem ser viaveis no futuro.

A Sony apresentou um protótipo de 27 polegadas, a Samsung apresentou modelos de 14 e 31 polegadas e a LG também mostrou alguns modelos mas declarou que ainda não terá previsão de colocar os modelos de TV no mercado.

—-

OLED dobrável

A Sony apresentou um protótipo de uma tela display que pode ser dobrável. Com apenas 1,4 polegada a telinha tem uma alta qualidade de imagem. Para a Sony, a criação do XEL-1 pode determinar o início do fim do papel.

—-

Palm apresenta o concorrente do iPhone

palmpre

Pre promete desbancar o telefone da Apple. Segundo a fabricante, Palm, o pequeno smartphone tem conectividade 3G, tem acesso a Wi-Fi, Bluetooth, câmera de 3 megapixels com flash, saída para fones de ouvido, com 8 GB de armazenamento. Isso porque o teclado fica escondido, o aparelho pesa 136 gramas e tem a famosa funcionalidade de toque e uma área de gestos, isto é, você fará gestos para fazer o telefone funcionar. Fora isso, a Palm disse que qualquer peão que manja de HTML, CSS, Java pode criar aplicativos para o brinquedinho.
Ele começara a ser vendido com exclusividade a partir da metade de 2009 por uma operadora nos Estados Unidos. A empresa não informou quando o brinquedinho vai custar.

—-

Controle remoto nunca mais!

As fabricantes japonesas Hitachi e Toshiba apresentaram telas em que o usuário faz movimentos para controlar a TV. Os aparelhos terão sensores de movimento embutidos e para usar a TV o cidadão terá que fazer gestos a distância para poder trocar de canal ou reduzir e aumentar o volume.
A TV da Toshiba permite que o usuário navegue em um conteúdo gravado. Ele poderá dar Zoom em uma tela de vidro juntando as palmas das mãos dar o play com um gesto ou voltar e avançar o vídeo movendo as mãos para a horizontal. Já os monitoers da Hitachi permite que você ligue e desligue a TV fazendo movimentos de onda, mudar os canais com as mãos, movendo para os lados e controlar o volume com movimentos de círculo.

—-

Dick Tracy está entre nós!

relogiodickO famoso comunicador do lendário detetive Dick Tracy está de volta. A LG lançou um relógio que tem funções de telefone e de comunicação por vídeo, graças a uma micro câmera embutida. Com 13, 9 milímetros uma tela de 1,43 polegadas o relógio tem reconhecimento de voz, saída de áudio para MP3 e é bonito. A única mancada é que o relógio-comunicador tem uma bateria com uma vida útil de três horas. Mas a fabricante coreana prometeu aumentar a duração da bateroa do relógio.

rodape_noresetnet3

Rápidas da CES 2009 – PARTE 2

cabeca_ces2009

Cido CoelhoO segundo dia da CES 2009 terminou, mas não é por isso que você não vai saber o que aconteceu. Basta acompanhar aqui no NoReset o que rolou  em Las Vegas. A Microsoft deu para trás e não vai mais lançar o beta do Windows 7. Além disso a Kodak e a Olympus brigam para fazer a câmera mais potente e a Sony divulga os números e surpresas  da família PlayStation e apresenta no seu estande as  novas câmeras de vídeo, que são potentes e tem preços atrativos para o público que está lá nos Estados Unidos.

“LittleBigPlanet vendeu mais de 1,3 mi de unidades”

O presidente da Sony Computer Entertainmet, Kaz Hirai comentou que a grande aventura do PlayStation 3 – LittleBigPlanet – teve mais de 1,3 milhão de unidades vendidas.
Além disso, o executivo da Sony declarou que os usuários da rede online do jogo criaram mais de 300 mil fases. Porém o título ainda não superou o blockbustar Metal Gear Solid 4: Guns of the Patriots.

PlayStation Network e Home estão crescendo

Além disso, Hirai comemorou o número de cadastros na rede do console, que chegou aos 17 milhões de usuários. Para completar a comemoração, o presidente da Sony comemorou o bom rendimento da PSHome. Segundo o líder da fabricante japonesa, mais de de 3,4 milhões de pessoas já baixaram o “Second Life” do console.

Life with PlayStation

Hirai confirmou que até o meio de 2009 o console vai ter uma atualização do Life with PlayStation, que vai permitir a leitura de algumas notícias e o tempo na cidades.

PlayStation 3 em 3D

Durante o discurso na CES o CEO da Sony Howard Stringer declarou que tem um grande interesse em desenvolver a tecnologia 3D. Chamada de RealD 3D, que segundo o executivo, essa novidade pode ser usada na linha de videogames da Sony.
No stand da Sony foi apresentado alguns vídeos de Gran Turismo 5 Prologue, Wipeout HD e MotorStorm: Pacific Rift usando a tecnologia RealD 3D. Com isso a Sony espera que aumentará a realidade imergindo o gamer no jogo com detalhes em alta definição misturado com o mundo do gamer. A RealD poderá ser uma carta na manga da Sony para ajudar nas vendas do console.

Microsoft recua e adia download do Windows 7 beta

A empresa alegou que a distribuição do download foi cancelada porque o tráfego da rede da Microsoft está pesado, devido ao interesse dos usuários, impedindo a fabricante do sistema operacional a colocar a versão de testes do Windows. A empresa não divulgou a nova data para disponibilizar a versão de testes do sucessor do Vista.

Microsoft divulga o Tag Reader para o iPhone

Um mês depois de lançar o primeiro aplicativo para o celular da Apple, a Microsoft apresentou um novo aplicativo para o brinquedinho.
O Tag Reader é um leitor de tags 2D e levará ao usuário a informação que ele precisa com um toque em um tag escolhido, assim o do do iPhone poderá escolher um site, mapa, música e até propaganda.

—–

Sharp lança TV LCD Full-HD com Blu-ray embutido

A japonesa Sharp apresentou uma linha de TV LCD com player Blu-ray no televisor.
A Aquos BD terá um drive que terá a flexibidade de receber CDs, DVDs  e a nova tecnologia – o BD.
Os modelos terão a definição de imagem 1080p com a otimização do conteúdo, com a possiblidade da intensificação do brilho e o contraste das imagens. A linha Aquos BD terá conexão para o PC, assim a TV poderá ser também um montior de computador. Os tamanhos dos televisores vão de 32 a 52 polegadas, que vão chegar no mercado dos Estados Unidos a partir de fevereiro, exceto os modelos de 46 e 52 polegadas.

LG terá a primeira linha de TV com selo verde

A fabricante coreana LG começa a vender no mercado os televisores que consomem pouca energia. Por isso, a Associação de TVs LCDs vão receber o GreenTV, garantindo que os televisores realmente vão gastar uma menor quantidade de energia. A TV da LG promete consumir entre 30% e 60% menos energia que os televisores convencionais.

Olympus e Kodak lançam câmeras com zooms de 26x e 24x

As duas empresas de máquinas digitais estão disputando para fazer máquina com zoom óptico mais potente do mercado. A Kodak saiu na frente com o modelo Z980 que tem estabilização de imagem e o modo que estabiliza os recursos da câmera de acordo com o ambiente – conhecido por Smart Capture.
Já a Olympus acabou com a alegria da Kodak e apresentou o modelo SP-590 UZ, que tem um zoom óptico com 26x de alcançe, com lentes de 26 mm e resolução de 12 megapixels. Isso porque a câmera tem um sistema de detecção de face que suporta até 16 pessoas em uma foto, com estabilização de imagem e 29 modos de fotografia.
Preços: a Kodak custará US$ 400 e a Olympus, US$ 450.

Sony lança câmeras de vídeo com zoom de 60x

A Sony não é só PlayStation e Bravia e apresentou suas câmeras de vídeo, que terão versões em disco rígido, memoria flash e DVD com preços até que “populares”.
Além do zoom de 60x, os brinquedinhos de gravação de vídeo terão disco rígido de 80 GB no modelo Handycam DCR-SR67, com lentes Carl Zeiss e tela LCD 2,7 polegadas. O modelo DCR-SR47 tem disco rígido de 40 GB. Os outros modelos terão memória flash que variam nos tamanhos de 4 GB a 16 GB.
E todos os modelos também custarão menos de 500 dólares e serão lançadas nos Estados Unidos em fevereiro. No restante do mundo a Sony ainda não deu a data.

LINKS RELACIONADOS
Rápidas do CES – PARTE 1

rodape_noresetnet3

Rápidas da CES 2009 – PARTE 1

cabeca_ces2009

Cido CoelhoConfira o melhor do primeiro dia da Consumer Electronic Show, que acontece em Las Vegas, Estados Unidos até o dia 11 de janeiro. De nova versão do Windows 7 até o novo Rock Band que não vai sair este ano. E vamo que vamo até o sábado muita coisa bacana vai rolar nos States!

Microsoft vai liberar a versão beta do Windows 7

win7_beta

A Microsoft lançará a versão de testes do Windows 7 na próxima sexta, durante a CES 2009.
O novo sistema operacional promete mais agilidade a partir de uma interface iniciada do zero. Além disso, quando o sitema estiver na versão final ele permitira o uso de touch-screen – como o iPhone – você tocara na tela do PC compatível com toque para agilizar nas suas atividades cotitidanas.
Você poderá baixar a versão beta no site http://www.windowslive.com/explore

MTV EUA vai disponibilizar vídeos para o PlayStation

A MTV vai disponiblizar mais de 2 mil horas de programação em vídeo para serem vendidos na loja de vídeos do PlayStation. Em fevereiro os vídeos começarão a serem vendidos. Além disso, os programas The City, South Park e Bob Esponja também estarão a venda na PlayStation Store.

Sony apresenta Vaio de bolso

vaio_bolso2vaio_bolso

A Sony anunciou na CES o notebook de bolso. Além disso, a poderosa fabricante de eletronicos afima que é o notebooke mais leve do mundo – com 0,6 kg.
Com esse novo modelo, a empresa estreia no mercado de PC ultraportáteis. Além disso, a Sony diz que o pequeno computador é elegante e e vistoso, devido a prioridade ao design do Vaio. O notebook acompanhará o sitema operacional Windows Vista.
O único problema desse modelo é o preço: US$ 900. Os modelos de outras marcas custam entre US$ 300 e US$ 400.

Rock Band 3? Em 2009? Onde?

A Harmonix e a MTV Games anunciaram que não terá uma nova versão de Rock Band em 2009. Quem confirmou isso foi o CEO da produtora, Alex Rigopolous durante uma palestr na CES 2009.
Mas para ninguém chupar o dedo o executivo explicou que os empregados estão trabalhando um novo jogo musical com os Beatles e o console seria em formato teclado.

—-

Sony lança linha de TV ecológica

bravia_eco
A linha de televisores Eco Series da Sony promete incorporar o mundo limpo na produção de TVs. Os três modelos: 52 polegadas no KDL-52VE5, 46 polegadas no KDL-46KEV5 e  40 polegadas no KDL-40VE5 vão usar o stand-by zero, sensores de movimento e luz de acordo com o ambiente, para priorizar a redução do uso de energia. As TVs serão inteligentes ao usar os sensores de presença para detectar se há pessoas no ambiente. Em caso de ausência de pessoas no ambiente por um longo período de tempo a TV desliga sozinha. A linha ecológica terão os sitemas BRAVIA Engine 2, BRAVIA Sync, 24p de True Cinema, com 4 canais HDMI.

JVC lança a TV LCD ultra fina

tv_jvc

A JVC lançou um televisor leve com 32 polegadas e menos de 5 quilos. O formato da TV permitirá aos usuários que a tela possa ser exposta de várias formas na sala.
Este LCD tem 50% menos materiais e 10% de módulo menor em relação aos outros modelos da fabricante. A JVC desenvolveu novos elementos ópticos para superar as limitações, maximizando o visor de alta resolução de energia utilizada.

rodape_noresetnet3

CES 2009 abre as portas

cabeca_ces2009Cido CoelhoA Consumer Electronics Show 2009 abriu as suas portas em Las Vegas, Estados Unidos para receber pelo menos 130 mil pessoas em três dias. Mais de 2.7 mil expositores vão trazer as novidades do mundo da tecnologia e dos games.

A CES 2009 promete trazer ao público por exemplo a TV mais fina do mundo, prometida pela Samsung e a Microsoft vai dar mais informações sobre o Windows 7. Além disso a HP vai apresentar os notebooks mais leves e finos do mercado, a Motorola vai trazer um celular politicamente correto do mundo – feito com garrafas plásticas recicladas e a coreana LG promete um celular no formato de relógio.

Isso e muito mais você podera acompanhar aqui no NoReset e também no site oficial do evento.

rodape_noresetnet3