• _

Xbox 360 terá Twitter e Facebook

noreset_plantaoxboxfacebooktwittercidocoelho_profileSegundo o site inglês Eurogamer, a Microsoft, do Bill, anunciou que os fanáticos por twittar no computador e no celular poderão também dar os seus “twitts” no Xbox 360. Ah, sim para quem tem Facebook, também…

Quem contou a boa nova foi James Halton, da Microsoft, declarando que a companhia espera que até o outono e antes da chegada do Natal, o projeto, as redes sociais estarão integradas aos consoles caixistas.

Rede Globo investe no BD por causa do PS3

noreset_plantaoglobo_ps3cidocoelho_profileDe acordo com o jornal Folha de S.Paulo, a Rede Globo vai lançar em setembro as suas mais recentes minisséries “Capitu” e “Maysa” em discos de Blu-ray.

O motivo dos lançamentos neste formato? Não, não é o aumento de tocadores de BD Player na praça e, sim, a Globo pensou em investir nesta mídia por causa do crescimento de proprietários de PS3 no Brasil.

Então você pode se programar assistindo sua série favorita ou os clássicos programas da Xuxa e Trapalhões após uma boa partidinha de um sanguinário God of War III, né não?

Resumo da semana – 28/06/2009

Top 20 produtoras: Nintendo fica no topo!

A revista Game Develper e a Gamer Developer Research anunciaram uma lista com as maiores produtoras de games do mundo. A grande empresa que está no topo é a Nintendo.
Para o critério de seleção, foram escolhidas 50 produtoras em que a reputação no mercado, profissionais gamers e a preferência dos consumidores foram determinantes para a definição do ranking.
A escolha da Big N na ponta superior da lista foi devido ao catálogo de jogos e excelente desempenho das vendas do console Wii e do portátil DS. Os jogos como Wii Fit e Mario Kart Wii também ajudaram muito na reputação da gigante japonesa.
Quem ficou atrás foi a produtora de World of Warcraft, a Blizzard, que apresentou bom desempenho aos games no serviço do jogo online. E na parte mais baixa do pódio ficou a francesa Ubisoft, que impactou o mercado com os games Prince of Persia, Far Cry 2 e Tom Clancy Rainbow Six Vegas 2.
Confira a lista que vai sair também na edição deste mês da revista:
1. Nintendo – Kyoto (“Mario Kart Wii” e “Wii Fit”)
2. Blizzard Entertainment (“World Of Warcraft: Wrath of the Lich King”)
3. Ubisoft Montreal (“Far Cry 2” e “Prince of Persia”)
4. Rockstar North (“Grand Theft Auto IV”)
5. EA Canada (“FIFA Soccer 09”)
6. Konami – Tokyo (“Pro Evolution Soccer 2009” e “Castlevania: Order of Ecclesia”)
7. Valve (“Left 4 Dead”)
8. Epic Games (“Gears of War 2” e “Unreal Tournament 3”)
9. Electronic Arts Tiburon (“Madden NFL 09” e “NASCAR 09”)
10. Treyarch (“Call of Duty: World at War”)
11. HAL Laboratory (“Super Smash Bros. Brawl” e “Pokémon Ranger: Shadows of Almia”)
12. Capcom – Osaka (“Devil May Cry 4” e “Monster Hunter Freedom Unite”)
13. Traveller’s Tales (“LEGO Batman” e “LEGO Indiana Jones”)
14. Bethesda Game Studios (“Fallout 3”)
15. Insomniac Games (“Resistance 2” e “Ratchet & Clank Future: Quest for Booty”)
16. Namco Bandai Games – Tokyo (“Soul Calibur IV”)
17. EA Redwood Shores (“Dead Space”)
18. Koei – Yokohama (“Romance of the Three Kingdoms XI” e “G1 Jockey 4 2008”)
19. Kojima Productions (“Metal Gear Solid 4: Guns of the Patriots”)
20. Harmonix Music Systems (“Rock Band 2”)
noreset_gamenewsmario123cidocoelho_profileA revista Game Developer e a Gamer Developer Research anunciaram uma lista com as maiores produtoras de games do mundo. A grande empresa que está no topo é a Nintendo.
+
Para o critério de seleção, foram escolhidas 50 produtoras em que a reputação no mercado,  a referência entre os profissionais gamers e a preferência dos consumidores foram determinantes para a definição do ranking.
+
A escolha da Big N na ponta superior da lista foi devido ao catálogo de jogos e excelente desempenho das vendas do console Wii e do portátil DS. Os jogos como Wii Fit e Mario Kart Wii também ajudaram muito na reputação da gigante japonesa.
+
Quem ficou atrás foi a produtora de World of Warcraft, a Blizzard, que apresentou bom desempenho aos games no serviço do jogo online. E na parte mais baixa do pódio ficou a francesa Ubisoft, que impactou o mercado com os games Prince of Persia, Far Cry 2 e Tom Clancy Rainbow Six Vegas 2.
+
Confira a lista das 20 maiores que vai sair  na edição deste mês da revista:
+
1. Nintendo – Kyoto (“Mario Kart Wii” e “Wii Fit”)
2. Blizzard Entertainment (“World Of Warcraft: Wrath of the Lich King”)
3. Ubisoft Montreal (“Far Cry 2” e “Prince of Persia”)
4. Rockstar North (“Grand Theft Auto IV”)
5. EA Canada (“FIFA Soccer 09”)
6. Konami – Tokyo (“Pro Evolution Soccer 2009” e “Castlevania: Order of Ecclesia”)
7. Valve (“Left 4 Dead”)
8. Epic Games (“Gears of War 2” e “Unreal Tournament 3”)
9. Electronic Arts Tiburon (“Madden NFL 09” e “NASCAR 09”)
10. Treyarch (“Call of Duty: World at War”)
11. HAL Laboratory (“Super Smash Bros. Brawl” e “Pokémon Ranger: Shadows of Almia”)
12. Capcom – Osaka (“Devil May Cry 4” e “Monster Hunter Freedom Unite”)
13. Traveller’s Tales (“LEGO Batman” e “LEGO Indiana Jones”)
14. Bethesda Game Studios (“Fallout 3”)
15. Insomniac Games (“Resistance 2” e “Ratchet & Clank Future: Quest for Booty”)
16. Namco Bandai Games – Tokyo (“Soul Calibur IV”)
17. EA Redwood Shores (“Dead Space”)
18. Koei – Yokohama (“Romance of the Three Kingdoms XI” e “G1 Jockey 4 2008”)
19. Kojima Productions (“Metal Gear Solid 4: Guns of the Patriots”)
20. Harmonix Music Systems (“Rock Band 2”)
UPDATE – Segue a lista do restante das empresas!

21. Media Molecule

22. Lionhead Studios
23. Vicarious Visions
24. Maxis
26. Neversoft Entertainment
26. Game Freak
27. Square Enix
28. Digital Illusions CE (Dice)
29. Success
30. Ready At Dawn
31. Atlus
32. Criterion Games
33. TOSE
34. Mythic Entertainment
35. Firaxis Games
36. Volition
37. Sega
38. SCE Japan Studio
39. Ironclad Games
40. Marvelous Interactive
41. Yuke’s Future Media Creators
42. SCE London Studio
43. Visual Concepts
44. Intelligent Systems
45. Omega Force
46. Monolith Productions
47. Funcom
48. SCE Studios San Diego
49. Rare
50. Treasure
INFORMAÇÕES COM UOL JOGOS

Japão terá Mc Nintendista Feliz, com Mc DS

Mc Donalds e Nintendo assinaram uma parceria no Japão em que o portador de um Nintendo DS poderá ir em qualquer loja da rede de restaurantes e usar o seu portátil para acessar o serviço sem fio.
O “Mc Nintendista Feliz” poderá baixar e importar itens originais, trocar informações com outros usuários do DS que estão no mesmo restaurante, jogar Pokemon e outros mini-games que estarão disponíveis na Mc rede.
Além disso, o DS receberá quiz e um servço de mangá, com o palhaço Ronald Mc Donalds em seu portátil.
Já no Brasil, você pega um Mc Cadeira, vai até um Mc Senta e faz um Mc Espera para ver se um dia isso vai acontecer por aqui!Mc Donalds e Nintendo assinaram uma parceria no Japão em que o portador de um Nintendo DS poderá ir em qualquer loja da rede de restaurantes e usar o seu portátil para acessar o serviço sem fio.
O “Mc Nintendista Feliz” poderá baixar e importar itens originais, trocar informações com outros usuários do DS que estão no mesmo restaurante, jogar Pokemon e outros mini-games que estarão disponíveis na Mc rede.
Além disso, o DS receberá quiz e um servço de mangá, com o palhaço Ronald Mc Donalds em seu portátil.
Já no Brasil, você pega um Mc Cadeira, vai até um Mc Senta e faz um Mc Espera para ver se um dia isso vai acontecer por aqui!
noreset_caray

Representantes da Nintendo e do Mc Donadu Japónnn fechando o "Mc Acordo"! Cá entre nós Ronald Mc Donalds japonês é F*da!

Representantes da Nintendo e do Mc Donadu Japónnn fechando o "Mc Acordo"! Cá entre nós, Ronald Mc Donalds japonês é F*da! E uma F*da mau dada!

cidocoelho_profileO Mc Donalds e a Nintendo assinaram uma parceria no Japão em que o portador de um Nintendo DS poderá ir em qualquer loja da rede de restaurantes e usar o seu portátil para acessar o serviço sem fio (Wi-Fi).

O “Mc Nintendista Feliz” poderá baixar e importar itens originais, trocar informações com outros usuários do DS que estão no mesmo restaurante, jogar Pokemon e outros mini-games que estarão disponíveis na Mc rede.
Além disso, o DS receberá quiz e um servço de mangá, com o palhaço Ronald Mc Donalds em seu portátil.
Já no Brasil, você pega um Mc Cadeira, vai até um Mc Senta e faz um Mc Espera para ver se um dia isso vai acontecer por aqui!

Games estão destruindo a indústria da música! Acabe com os games!

noreset_analiseGames estão destruindo a indústria da música! Acabe com os games!
Essa nota do Finalboss que foi publicada no UOL achei hilária. É o típico caso que o game violento é o culpado pelo crime que a pessoa fez.
Todo mundo sabe que a pirataria, os downloads ilegais contribuem para o prejuízo da indústria musical, mas a desculpa da vez vem da imprensa britânica. E a desculpa não é original.
Agora quem é o inquisitor da vez é o jornal britânico The Guardian, que apontou uma das principais causas da queda drástica nas vendas de música é causada pelos consoles de videogames – que está em ascendência, mesmo em crise.
A comparação que o jornal fez foi essa: no Reino Unido, os gastos com videogames subiram de £1,18 bilhão, em 1999, para £ 4,03 bilhão em 2008.
No mesmo período, as vendas da indústria da música “capotaram” de £1,94 bilhão para £1,31 bilhão.
O The Guardian justifica que os consumidores se sentem mais satisfeitos gastar com games que duram horas do que com com quatro CDs ou com jogos que deem para ser jogados com  suas músicas favoritas, como Rock Band e Guitar Hero.
Supostamente o jornal cita o aumento dos gastos com DVD, porém o crescimento não é tão imenso quanto aos games.
Sim, seria a mesma coisa que no Brasil eu dissesse a culpa da queda de audiência das rádios brasileiras que tocam músicas, em muitas, as FM (Frequencia Modulada, como Jovem Pan2, Mix, Energia 97, em SP, e por aí vai), culpasse os camelôs que vendem os jogos piratas de Rock Band e Guitar Hero, pois estes jogos estão roubando suas audiências e falindo as emissoras de rádios.
Ou então a queda da audiência nas TVs no inicio dos anos 90 também foram proporcionados pelos milhões de consoles Nintendo Entertainment System, Super Nintendo, Mega Drive e Master System que assolaram o mercado na “Guerra dos 8 Bits e 16-Bits”
Logo, logo vão falar que os videogames interferem nos sitemas políticos, sociais, médicos e até mesmo religiosos das pessoas e que todos os consoles devem ser levados às fogueiras para que os humanos sejam purificados.
noreset_analiserockband_montcidocoelho_profileA nota do Finalboss que foi publicada no UOL achei hilária. É o típico caso que o game violento é o culpado pelo crime que a pessoa fez.
Todo mundo sabe que a pirataria, os downloads ilegais, preço alto das músicas vendidas em sites e lojas contribuem para o prejuízo da indústria musical, mas a desculpa da vez vem da imprensa britânica. E a desculpa não é original – ou talvez seja, pois é a primeira vez que vejo isso.
Agora quem é o inquisitor da vez é o jornal britânico The Guardian, que apontou uma das principais causas da queda drástica nas vendas de música é causada pelos consoles de videogames – uma indústria que está em ascendência, mesmo em crise.
A comparação que o jornal fez foi essa: no Reino Unido, os gastos com videogames subiram de £1,18 bilhão, em 1999, para £ 4,03 bilhão em 2008. No mesmo período, as vendas da indústria da música “capotaram” de £1,94 bilhão para £1,31 bilhão.
O The Guardian justifica que os consumidores se sentem mais satisfeitos gastar com games que duram horas do que com com quatro CDs ou com jogos que deem para ser jogados com  suas músicas favoritas, como Rock Band e Guitar Hero.
Supostamente o jornal cita o aumento dos gastos com DVD, porém o crescimento não é tão imenso quanto aos games.
Sim, seria a mesma coisa que no Brasil eu dissesse a culpa da queda de audiência das rádios brasileiras que tocam músicas, em muitas, as FMs (Frequencia Modulada; Como Jovem Pan 2, Mix, Energia 97, em SP, e por aí vai), culpasse os camelôs que vendem os jogos piratas de Rock Band e Guitar Hero, pois estes jogos estão roubando suas audiências e falindo as emissoras de rádios.
Ou então a queda da audiência nas TVs no inicio dos anos 90 também foram proporcionados pelos milhões de consoles Nintendo Entertainment System, Super Nintendo, Mega Drive e Master System que assolaram o mercado na “Guerra dos 8 Bits e 16-Bits”.
Logo, logo vão falar que os videogames interferem nos sitemas políticos, sociais, médicos e até mesmo religiosos das pessoas e que todos os consoles devem ser levados às fogueiras para que os humanos sejam purificados.
Talvez os games tenham alguma participação na vitória sobre a indústria músical, porém, a participação dessa fatia não é tão grande como o jornal The Guardian. E outra coisa: como que a indústria musical é prejudicada se ao mesmo tempo ela tem que ceder, entenda como venda, de direitos às produtoras de jogos para que os games saiam em evidência no mercado.
Tá aí, uma bela contradição papeleira, direto da terra da Rainha… Ai, caray!

Resumo da Semana – 14/06/2009

Japão: Media Create divulga vendas na primeira semana de junho

A Media Create divulgou a lista dos 30 jogos mais vendidos na semana de 1º de junho a 7 de junho de 2009. A Square Enix pode comemorar o bom resultados das vendas de seu Kingdom Hearts para o Nintendo DS, que vendeu mais de 400 mil unidades em menos de duas semanas. E não foi apenas um jogo de DS, o Gyakuten Kenji ficou atrás do game da “Squenix” numa diferenca de 200 mil unidades.
Depois vem o Sin Sangoku Musou 5 Empires, do PS3, que vendeu 27 mil unidades na semana pesquisada. Já  os recém-lançados Arc Rise Fantasia, do Nintendo Wii, e Evangelion: Jo, do PSP, venderam 26 mil unidades e 15 mil respectivamente.
Confira a lista de vendas do Media Create no Japão. Os dez primeiros jogos estão calculados por vendas semanais e acumulado do ano:
01. Kingdom Hearts 358/2 Days (DS) – 106,000 / 401,000
02. Gyakuten Kenji (DS) – 42,000 / 214,000
03. Shin Sangoku Musou 5 Empires (PS3) – 27,000 / 103,000
04. Arc Rise Fantasia (Wii) – 26,000 / NEW
05. Sloane to MacHale: Nazo no Monogatari (DS) – 26,000 / 102,000
06. Evangelion: Jo (PSP) – 15,000 / NEW
07. Monster Hunter Portable 2nd G (PSP) – 14,000 / 722,000
08. Yuusha 30 (PSP) – 9,000 / 36,000
09. Wii Fit (Wii) – 9,000 / 3,444,000
10. Pro Yakyuu Team o Tsukurou! 2 (DS) – 9,000 / 65,000
11. Pokémon Fushigi no Dungeon: Sora no Tankenta (DS)
12. Made in Ore (DS)
13. Mario & Luigi RPG3!!! (DS)
14. Mario Kart Wii (Wii)
15. HAWX (PS3)
16. Evangelion: Jo (PS2)
17. Shin Sangoku Musou 5 Empires (X360)
18. Taiko no Tatsujin Wii (Wii)
19. Dragon Ball Z: Story Saiyajin Raishuu (DS)
20. Wii Sports (Wii)
21. Bleach: Heat The Soul 6 (PSP)
22. Pokémon Platinum (DS)
23. Wii de Asobu Pikmin 2 (Wii)
24. Monster Hunter G (Wii)
25. New Super Mario Bros. (DS)
26. Sengoku Basara Battle Heroes (PSP)
27. Metal Fight Beyblade (DS)
28. Winning Eleven Play Maker 2009 (Wii)
29. The Last Guy (PS3)
30. Gyakuten Saiban (Best Price!) (DS)
noreset_gamenewsmediacreate_logcidocoelho_profileA Media Create divulgou a lista dos 30 jogos mais vendidos na semana de 1º de junho a 7 de junho de 2009.
A Square Enix pode comemorar o bom resultados das vendas de seu Kingdom Hearts para o Nintendo DS, que vendeu mais de 400 mil unidades em menos de duas semanas.
E não foi apenas um jogo de DS, o Gyakuten Kenji ficou atrás do game da “Squenix” numa diferenca de 200 mil unidades.
Depois vem o Sin Sangoku Musou 5 Empires, do PS3, que vendeu 27 mil unidades na semana pesquisada. Já  os recém-lançados Arc Rise Fantasia, do Nintendo Wii, e Evangelion: Jo, do PSP, venderam 26 mil unidades e 15 mil respectivamente.
Confira a lista de vendas do Media Create no Japão. Os dez primeiros jogos estão calculados por vendas semanais e acumulado do ano:
kingdom_hearts_ds
01. Kingdom Hearts 358/2 Days (DS) – 106,000 / 401,000
02. Gyakuten Kenji (DS) – 42,000 / 214,000
03. Shin Sangoku Musou 5 Empires (PS3) – 27,000 / 103,000
04. Arc Rise Fantasia (Wii) – 26,000 / lançamento
05. Sloane to MacHale: Nazo no Monogatari (DS) – 26,000 / 102,000
06. Evangelion: Jo (PSP) – 15,000 / lançamento
07. Monster Hunter Portable 2nd G (PSP) – 14,000 / 722,000
08. Yuusha 30 (PSP) – 9,000 / 36,000
09. Wii Fit (Wii) – 9,000 / 3,444,000
10. Pro Yakyuu Team o Tsukurou! 2 (DS) – 9,000 / 65,000

11. Pokémon Fushigi no Dungeon: Sora no Tankenta (DS)
12. Made in Ore (DS)
13. Mario & Luigi RPG3!!! (DS)
14. Mario Kart Wii (Wii)
15. HAWX (PS3)
16. Evangelion: Jo (PS2)
17. Shin Sangoku Musou 5 Empires (X360)
18. Taiko no Tatsujin Wii (Wii)
19. Dragon Ball Z: Story Saiyajin Raishuu (DS)
20. Wii Sports (Wii)
21. Bleach: Heat The Soul 6 (PSP)
22. Pokémon Platinum (DS)
23. Wii de Asobu Pikmin 2 (Wii)
24. Monster Hunter G (Wii)
25. New Super Mario Bros. (DS)
26. Sengoku Basara Battle Heroes (PSP)
27. Metal Fight Beyblade (DS)
28. Winning Eleven Play Maker 2009 (Wii)
29. The Last Guy (PS3)
30. Gyakuten Saiban (Best Price!) (DS)

Resumo da Semana – 07/06/2009

[Por dentro da E3] Giro Gamer – 06/06/2009

rapidasgirogamer_noresetbanerquadrado_nore3 09

Leia aqui no NoReset quais foram as principais novidades da feira nestes três dias

 

Left 4 Dead 2
Em menos de seis meses o game ganha uma continuação, para a surpresa de todos os presentes na feira. Isso, porque, a Valve costuma demorar para lançar um jogo – e esse demorar é demorar anos até chegar no formato que seja bacana para todo mundo.
A Valve deixa todos tranquilos porque em declaração afirmou que vai manter o suporte da primeira versão e assim deixar ambas versões atualizadas. A grande novidade é que você poderá matar zumbis durante o dia. 
Como você observa a imagem e a história é seguida com outros personagens não estavam presentes na primeira versão
O jogo sairá para o PC e Xbox 360 no dia 17 de novembro.
Guitar Hero 5
A grande inovação do game é o modo Party Play, em que não tem como o gamer errar nas músicas pois os jogadores podem entrar e sair da partida em qualquer momento para descansar as mãos, que sofrem muito dependendo da música.
Nesse modo de jogo da para criar várias formações como uma banda com 3 vocalistas e um baixistas ou até mesmo 4 bateristas no mesmo modo de jogo.
O jogo também será o pioneiro após a versão Metallica a ter o modo Expert Plus para a bateria. Nesse modo, o jogadore terá que jogar com os dois pedais.
Além disso, o conteúdo baixável do GH: World Tour será compatível com o novo game.
—-
Rare apagada! Motivo: Projeto Natal
A Rare passou batida pela E3, a Microsoft deixou a produtora matutando um jogo novo que use os recursos do Project Natal, que foi a principal estrela da conferência da Microsoft.
Porém, não é só a Rare que trabalha em um jogo: a Bungie (criador de Halo) e a Epic (Gears of War) também trabalham em jogos para a aposta tecnológica da Microsoft.
Alan Wake: mais um classic Silent Hill com último Alone the Dark?
A empresa Remedy volta a mostrar algumas imagens do jogo e explicam como deve ser a mecânica do game. Isso porque o jogo foi anunciado em 2005.
O personagem que dá o nome ao game é um escritor de livros de suspense que sai de férias com a esposa. A esposa desaparece por meio de uma força sobrenatural, que desafia Alan. E para conseguir a mulher de volta ele terá que entregar um manuscrito de um livro que ele não lembra de ter escrito. Essa história acontece na cidade de Brightfalls
Enfim, essa história tem um ar de Silent Hill com Alone the Dark. O jogo deve chegar em março de 2010 para Xbox 360 e PC.
Tony Hawk e o seu controle-skate
Após um ano no anonimato, a Activision volta com o game repaginado e pronto para brigar com o game Skate, da Electronic Arts.
A meta da produtora é fazer com que o jogo volte aos tempos áureos, quando o Tony Hawk vendia que nem água.
Por isso, o controle em formato de skate pode ser um grande atrativo aos gamers. Pois, a prancha funciona detectando movimento, com quatro sensores de luz infra-vermelho, que detectam os movimentos da perna ao se mexer na prancha como ao pôr o pé no chão.
—-
Modern Warfare 2 tem fase no Brasil
Activision separou o Modern Warfare da série Call of Duty e o game ganhou independência como franquia própria.
A produtora criou uma fase brasileira, nas favelas do Rio de Janeiro. Eles juram que fizeram uma pesquisa para não fazer cagadas e criar imagens erradas do nosso País.
O game teve boa evolução gráfica, muita ação e promete deixar os fanáticos por tiro malucos, da mesma forma que o Call of Duty fez.
—-
Rock Band: The Beatles
Apesar do estardalhaço, o game tem a mesma estrtura, com a diferença é que os meninos de Liverpool estarão lá de forma virtual.
O game trará momentos retrôs, com rápidas conversas enrte os membros, retiradas de várias gravações.
O jogo será lançado com quarenta e cinco músicas e tem um visual leve e agradável e da mesma forma que Guitar Hero 5, o game vai permitir que o gamer jogue com três vocalistas. Outra novidade é o modo Quick Play que trará de cara todas as músicas liberadas.
—-
New Super Mario Bros Wii não terá modo multiplayer online
Em entrevista coletiva, Shigeru Miyamoto contou que o game terá modo para até quatro jogadores offline.
Motivo: pode prejudcar o processamento do Wii se tivesse vários jogadores na rede. O game será ´raticamente  igual ao do DS.
Sony está enrascada! O que fazer com os donos do PSP que tem jogos em UMD
A Sony planeja uma forma para que os donos do PSP que tenham vontade de ter um PSP Go – que só terão jogos adquiridos por download -, sejam estimulados a trocar os jogos UMD por jogos digitais.
Até o momento a Sony pensa em criar nos Estados Unidos alguns quiosques em lojas para que o gamer faça a troca do UMD pelo jogo digitalizado no ato da compra do PSP Go.
Eles querem resolver essa bucha até o dia 1° de outubro, dia que o novo portátil será lançado.
Sonic & SEGA All-Stars Racing é cópia de Mario Kart
Pela primeira vez após o absurdo de lançar um Sonic R, para o Sega Saturn, em que o Sonic aposta corrida com personagens Sega na sola do sapato, a Sega se rende ao  acelerador, freio e volante e lança o Sonic & SEGA All-Stars Racing.
O legal são os belos gráficos e a diversão é como jogar Mario Kart, porém com o Sonic.
Wii, PS3, Xbox 360 e Nintendo DS vão ganhar uma versão do jogo que deve ser lançado em 2010.
—-
Balanço: E3 foi bem sucedida
cidocoelho_profile
Nós sabemos que durante a semana boa parte da audiência NoReset está trabalhando, na escola ou faculdade e não pôde acompanhar as principais novidades da E3 2009, que aconteceu no Los Angeles Convention Center, nos Estados Unidos.
Por isso, priorizamos as principais informações da E3 para este final de semana e para este Giro Gamer Especial E3 2009.  Leia aqui no NoReset quais foram as principais novidades, que talvez você possa ter ou jogar em breve, após a exibição ao público gringo. 

Continue lendo