• _

Até quando a indústria de memórias enganará seus clientes?

noreset_technews

pendriveJulyana RosaQuem nunca comprou um pen drive e achou que levaria um determinado espaço de memória e encontrou outro, que atire a primeira pedra. Você saiu da loja todo contente com o mais novo lançamento em pen drive, com incríveis 64Gbytes? Pagou os olhos da cara para transportar todos os seus arquivos? Pois sinto dizer, nem tudo são rosas no mundo das memórias flash e HDs e você, meu amigo, só é mais uma vítima.

O que leva uma empresa divulgar e vender memórias com capacidades fictícias? Você paga por oito Gbytes e leva sete e uns quebrados? Esta foi a triste constatação ao formatar um pen drive. E não são só eles que prometem uma determinada capacidade que não têm. Com os HDs é a mesma coisa. Compra-se um disco com 120 Gbytes que, quando formatado, mostra somente 112…

Alguém tem uma informação cabível para isso a não ser pura ladroeira?

E se, por brincadeira, vocês todos resolvessem dar-se ao luxo de, todo mês, descontar 10% das contas de telefone, internet e energia? Ninguém poderia reclamar não é? Afinal, se fazem isso com os consumidores todos os dias, porque não virar o jogo?

Está na hora de reivindicar honestidade. Se querem vender pen drives de 7 Gbytes e uns quebrados, que coloquem na embalagem. O cliente não é bobo e está cansado de ser enganado.

rodape_noresetnet2

Anúncios

8 Respostas

  1. Muito interessante. Podemos processar se quisermos pro propaganda enganosa. Mas o brasileiro não gosta de ter seus direitos respeitados, não é mesmo?!
    É complicado

  2. Não querendo ser chato, mas, esse é mesmo um blog de tecnologia?

  3. Boa noite Victor!
    Fico contente por ter acessar no NoReset. Acesse o link “Sobre o NoReset” que você vai compreender a linha editorial do NoReset.Net
    Continue com a gente.

  4. Bom, isso é um padrão adotado pelos fabricantes de HW (desde que eu me lembro por gente), que adotaram 1byte = 1000k, quando na verdade o valor real seria 1024k. Dessa forma a indústria de HW faz a seguinte conta pra chegar em 1Gb – 1000 x 1000 x 1000 = 1000000000, onde o valor real seria 1024 x 1024 x 1024 = 1073741824. O porquê disso tudo é que o pessoal do HW “esqueceu” de entrar em acordo com o pessoal do SW para padronizar as medidas. Pensando em história, isso não era problema no passado, onde 64Mb de memória era um absurdo de potente, e a diferença no cálculo nem era tão grande. Porém hoje (e sempre) a economia em bytes faz muita diferença para os produtores de HW, enquanto para os desenvolvedores de SW a simples mudança no cálculo não afetaria em nada o o lucro sobre o produto.

  5. Opa, inverti os valores ali, 1Kb = 1024 bytes e não o inverso!!

  6. Seja bem-vinda, Ju! =D

  7. @ Victor

    Olá Victor. Respondendo a sua pergunta:

    o nosso propósito é ser um blog de games e tecnologia relacionado com humor.

    O intuito quando o blog foi fundado era escrever com o máximo de humor possível. Logo, você poderá encontrar um texto sobre tecnologia, como esse da Ju como um texto falando sobre até mesmo futebol, como eu já fiz por aí.

    Obviamente nosso intuito é informar. Se você ler o NoReset durante o trabalho e esboçar um simples “haha” nosso objetivo foi alcançado.

    Certum?

  8. Redatora nova? Seja bem-vinda!

    É verdade, o NoReset é um blog sobre assuntos variados. Acho até que vou iniciar uma linha de posts discutindo os valores nutricionais dos hambúrgueres das redes de fast food presentes na várzea paulistana…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: