• _

Burrice artificial

noreset_analiseburriceartificial

Fernando UeharaMuitos escritores já nos mostraram suas versões do que seria o futuro da humanidade, através de livros e filmes. Entre carros voadores e armas de raio, já fomos apresentados a muitas obras que retratam as máquinas como grandes inimigas da humanidade, governando o planeta como nova espécie dominante. Pelo que eu posso ver através dos jogos, isso está bem longe de acontecer.

A chamada “Inteligência Artificial” é o que governa o comportamento de todos os personagens dentro do jogo, exceto por aquele controlado pelo jogador. Os gráficos evoluíram muito no decorrer dos anos, saindo de dois traços que rebatiam um pixel de um lado pro outro, até chegarmos nas imagens em alta definição de hoje em dia. A física também está bem realista, e somada aos gráficos realistas, criam uma ilusão de um “mundo virtual”.

Essa ilusão acaba assim que você tem que interagir com os personagens controlados pela inteligência artificial do jogo. Esse é um dos aspectos que menos evoluíram nos videogames. No que se refere ao Q.I., os cidadãos de Liberty City pouco se diferem das tartarugas no jogo do Mario lançado pro NES há decadas atrás.

Isso fica mais claro ainda quando DEPENDEMOS da inteligência artificial pra jogar. Em jogos de ação, em que você enfrenta os personagens controlados pela CPU, se eles agem estupidamente, azar o deles, vão morrer mais cedo. Agora, e jogos de esporte coletivo, em que você controla apenas um jogador por vez e o resto do time fica lá, correndo pra lá e pra cá aleatoriamente, sem a menor noção do que fazer no ataque e na defesa?

No primeiro caso, o jogo pode se tornar fácil demais, logo, maçante. No segundo caso, o jogo pode se tornar frustrante, já que você é obrigado a aturar a burrice de seus companheiros, que muitas vezes compromete o resultado.

Um inimigo em um jogo qualquer...

Um inimigo em um jogo qualquer...

Pra resolver o problema da dificuldade, a SNK criou um sistema de fazer chefes totalmente overpower, muito mais fortes, rápidos e resistentes que os personagens disponíveis ao jogador, e com golpes indefensáveis que pegam a tela inteira. A fórmula foi seguida por muitos outros jogos, é um método comum de se ver por aí. Quando você vai enfrentar o último chefe do seu jogo de ação/luta, ao invés de encontrar um adversário inteligente ou habilidoso, você é obrigado a enfrentar praticamente um deus. Um deus burro, mas ainda assim alguém muito mais poderoso que você, que vai, invariavelmente, ser derrotado por ser burro e não aproveitar direito seus poderes.

É por isso que o multiplayer sempre teve e sempre terá grande apelo entre os jogadores. Além de ser muito mais divertido poder zoar com seus amigos, um humano, por pior jogador que seja, nunca será tão idiota quanto um personagem controlado pela CPU.

Bom, talvez seja, mas aí você tem que arranjar amigos mais espertos…

Anúncios

27 Respostas

  1. Que seco o comentário final, Uê! hauahuahuahh xD

    Apesar de eu não ser muito fã de multiplayer, concordo contigo. Jogar contra outras pessoas torna o desafio real e imprevisível, enquanto que jogando contra uma A.I., por melhor elaborada que seja, estamos apenas combatendo respostas programadas. =)

  2. Esse tópico me fez deixar em aberto uma pergunta: será que no resident evil 5, a AI será util, ou irá atrapalhar sua vida?

  3. @Wesley: Repetindo o que comentei no post anterior….

    Wesley, você escreve no NowLoading, né? Porque passo por lá várias vezes, fico querendo deixar comentário pra ti e agradecer por você sempre marcar presença aqui no NoReset, mas nunca vejo teu nome nos autores dos textos. Aí fico pensando “se eu comentar em qualquer texto, será que ele vai ver?”. =)

  4. @Wesley: li na EGM que na maioria das vezes você é quem tem que ficar salvando a Sheva dos zumbis, ou seja, mais um exemplo de que personagens controlados pela CPU são estúpidos. Se bem que seria chato também se ela fosse um Rambo, destruísse todos os inimigos e deixasse o jogador sem nada pra fazer, né?

    Por isso, o melhor mesmo é chamar uma pessoa pra fazer o co-op. Pelo menos, você se sente menos estúpido por xingar uma pessoa do que se xingar o jogo…

  5. @Uehara
    Hahahahahahah, é verdade. Sempre é bom chamar seu amigo (ou não) para formar um time. Pena que as vezes seu colega nunca tem o mesmo console que o seu. Mas isso é outra história.

    @Rebeca
    Eu não escrevo frequentemente no Nowloading, é que pedi permissão do André Majin, que é um dos donos do site para divulgar o site em outros sites tambem. Mas logo irei mandar matérias de outros sites para o Nowloading, o Majin já me deu o aval para fazer isso. Mas obrigado pela consideração. Bons sites devem ser comentados.

  6. @Wesley: Ah tá! Fique sabendo então que seus comentários são sempre bacanas e muito bem-vindos! =D

  7. A matéria AI está evoluindo bem em vários ramos da informática, porém em jogos é impossível colocar tudo dentro de uma mídia limitada como DVD ou Blue-Ray, por isso teremos péssima AI por vários anos.

  8. @Luiz
    Pior que eu creio que ter uma AI ruim é um outro atrativo em muitos jogos, até mesmo em jogos de futebol (ugh!) a falta de eperteza de jogadores é um atrativo a mais no jogo.

  9. Achei ótimo o texto.
    Na verdade, eu nunca vi um game com uma IA ótima. Alguém se lembra da Natália em 007 goldeneye?

    E Kane & Lynch: dead men, quem lembra?

    É foda. Acho que nada substitui o multiplayer em 4 pessoas na mesma sala. Bons tempos do Nintendo64.
    Dava pra zoar, falar merda e tirar onda com a cara de quem perdia.
    Muito louco.

  10. Pior que rola esse porém mesmo, às vezes a burrice da AI facilita pra caramba. Quanto mais elaboradas ficarem as AIs, mais difíceis os games! xD

  11. Eu nunca tive um N64, mas pude experimentar um multiplayer de 4 jogadores com Bomberman no SNES! Era tãaaao legaaaal! =D

  12. Hahahahahah boa Rebeca. Multiplayer em bomberman era muito bom. Correção, é muito bom. Pena que quase sempre não encontro mais do que 2 pessoas para jogar hoje em dia. Em se tratando de IA, ou a maquina é burra, ou ela é apelona. Vide Top Gear. Quem nunca passou raiva com o Ritcher, hâ hâ?!

  13. É muito bom mesmo! Até hoje jogo Bomberman no emulador. Mas acabo tendo de jogar o multiplayer contra o computador. ¬¬º

    Você tem razão Wes, ou a IA é muito burra ou apelona demais!

  14. Entramos em consenso então, heheheheh.
    Acho que somos os mais ativos desse tópico aqui. Quando o assunto rende, sai de baixo.

  15. Pior que é! Eu mesma tenho que me policiar às vezes, pq quando empolgo com um assunto ou numa conversa, não paro! xDDD

    E por causa do nosso papo o texto do Uê vai acabar sendo um dos mais comentandos! hahahah

  16. Vixe…
    Já já Uehara também vai ganhar aumento. 16 comentários…

    Engraçado é que os textos dos redatores estão dando um banho no dos editores…
    Corre daí tio Cido que eu corro daqui.

    Esperem só até o texto da Milena sair… 140 comentários.

  17. Bom, pelo jeito todo mundo já passou nervoso com algum personagem burro em um jogo. Quem aí já não teve que proteger alguém (tipo a Natália, como o Gustavo lembrou) e o idiota se joga no meio dos inimigos?

    Parece que a Milena está pesquisando qual o assunto que atrai mais atenção dos leitores pra bater o recorde de comentários.

    Acho que vem um post M Rated por aí…

  18. Isso aê galera, bora ajudar o Uê a bater o recorde de comentários enquanto a Milena não aparece! xDDD

  19. Falando nisso.. sabe o que eu acho pior do que ter que proteger um personagem idiota, Uê? Quando por alguns momentos no jogo você deve controlá-lo! Tipo a Sherry em Resident Evil 2, lembra? Em certo momento ela tinha que ir pegar um item pra Claire, não lembro direito se é porque só ela conseguia passar pelo ponto de acesso ou se a Claire ficava presa em algum lugar. Mas enfim, mesmo que por um curto tempo, era um saco ter que controlar uma criança enjoada que não tem armas e só pode fugir e desviar dos zumbis. ¬¬º

  20. “Acho que vem um post M Rated por aí…”

    Vem mesmo…

    Já são 20…
    Se bem que mais da metade dos coments, são da própria equipe. Assim não vai valer.

  21. @Rebeca
    A Ashley é tão inutil quanto a Sherry. Devem ser parentes distantes, não é possivel. Pelo menos no RE5 a Sheva está munida de armamento, não vamos precisar gastar mais balas com ela. Ela podia ser que nem o Sera do RE4, não morria nem fudendo naquela parte da casa sendo cercada pelos ganados.

  22. @Wes: A primeira vez que joguei RE4 pensei exatamente a mesma coisa, que a Ashley devia ser uma prima distante da Sherry, de tão monga! xD
    Tomara que a Sheva tenha real utilidade!

    E sabe outra que eu sempre pensei? Que podiam lançar um game moderno que desse pra jogar de 2 em modo cooperativo, com duas pessoas jogando ao mesmo tempo no controle 1 e 2. Tipo Streets of Rage, mas não necessariamente apenas games de luta.
    Num game como RE5, já pensou as possibilidades se tivesse um modo desse? Poderia ter, por exemplo, puzzles que só pudessem ser resolvidos pelos dois. Ou então situações em que enquanto um tá resolvendo um puzzle pra liberar uma porta, o outro fica afastando os monstros que tão tentando se aproximar. =D

  23. @Gus: Pior que é, os posts tão ficando lotados de comentários mais pelos “mini-chats” que estamos fazendo por aqui! heheh

    Tô ansiosa pelo post da Milena! \o/

  24. a culpa é nossa pelos posts estarem cheios de comentários. ainda bem.

  25. Ei, Resident Evil 5 tem a Sheva justamente pro player 2 poder controlá-la! Ela só é controlada pela máquina se você estiver jogando sozinho(a). Pelo que eu li por aí, o multiplayer pode ser tanto local quanto online.

  26. @Wes: Estamos fazendo uma verdadeira enxurrada de comentários! Esse post já tá com 25! hahahahah

    Uê: Mas a Sheva é controlável no jogo inteiro? Pq eu tava achando que ela seria controlada pela cpu e só em momentos específicos poderia ser controlada pelo player2 ou alguém online. E o meu sonho era um jogo que tivesse dois personagens principais e pudesse ser jogado em modo cooperativo do começo ao final.

  27. Perae….
    26 comentários!
    aeeeee \o/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: